• fpcuesta@gmail.com

Arquivo da tag marcelo adnet

Sarajevo. A multicultural Jerusalém dos Balcãs. Uma cidade indispensável para entender uma parcela da história do Mundo. (Parte 2)

Como finalizado no relato do post anterior, chegamos ao hotel em Sarajevo, no bairro de Baščaršija, deixamos nossos pertences e descemos ao lobby para encontrar Armina, a simpática guia turística local que iria nos mostrar a cidade: – É muito importante para nós recebê-los aqui. Sarajevo é uma cidade muita rica culturalmente e nosso povo tem muita história para compartilhar com o mundo. No entanto, infelizmente, a maior parte dos turistas, por diferentes razões, optam por visitar os países vizinhos e não incluem a Bósnia-Herzegovina em seus roteiros. De fato, a Croácia, Eslovênia e Montenegro são países lindíssimos, mas aqui também há muita beleza e cultura a serem descobertas. Nosso povo luta diariamente para reconstruir sua própria identidade, apagar as marcas do passado e estabelecer a paz. Não é fácil… temos vivido em período longo de aprendizado e de reconstrução buscando a melhor forma possível de coexistir, de entender e respeitar nossas diferenças para que todos possamos viver em harmonia dentro desse território. Hoje vivemos uma paz fria, estéril, mas sabemos que temos muito caminho pela frente. Falar sobre isso, no meu modo de ver, ajuda-nos nesse processo de superação e, por isso, tenho que agradecer a presença de vocês aqui.” Foto abaixo de Sebilj, a famosa fonte na praça dos pombos:

Sarajevo. A multicultural Jerusalém dos Balcãs. Uma cidade indispensável para entender uma parcela da história do Mundo. (Parte 1)

Desde que iniciei esse trabalho de criar um blog de viagens, já foram até hoje quase 60 posts em exatos 02 anos. Sem um instante sequer de dúvida ou hesitação, afirmo que escrever e retratar Sarajevo, elaborando um texto que consiga traduzir minimamente o significado do que quero passar, será a tarefa mais difícil a ser trilhada até o presente momento. Dividirei esse relato em 2 posts. A capital da Bósnia-Herzegovina, cidade Olímpica dos Jogos de Inverno de 1984, é um daqueles lugares únicos no mundo, com peculiaridades históricas e culturais riquíssimas e ímpares, habitada por um povo simples, hospitaleiro e muito amistoso, marcado indelevelmente (para o bem e para o mal) com a tinta de todos os episódios de sua conturbada trajetória. Sarajevo mistura em sua biografia capítulos onde, ora simultânea, ora sucessivamente, se fazem muito presentes parágrafos recheados de tristeza, alegria, reconstrução, guerra, recomeço, desespero, morte, fraternidade, ódio, intolerância e, principalmente, esperança.