• fpcuesta@gmail.com

Dicas imprescindíveis para montar um roteiro de viagem pelos Balcãs: Croácia, Bósnia-Herzegovina e Montenegro.

Dicas imprescindíveis para montar um roteiro de viagem pelos Balcãs: Croácia, Bósnia-Herzegovina e Montenegro.

Inaugurando uma nova série com esse post introdutório, publicarei uma sequência de relatos sobre uma viagem realizada agora em maio de 2014, com duração de 16 dias, onde percorremos 3 (três) das antigas repúblicas que formavam a extinta Iugoslávia do Marechal Tito. Quem acompanha esse blog, sabe que apresentarei um conjunto de crônicas retratando os locais percorridos, pontuadas com a necessária inserção das dicas, roubadas, informações relevantes sobre restaurantes, hotéis, passeios e locais de visitação imprescindíveis que não podem ser excluídos de qualquer roteiro.

O foco principal, evidentemente, foi a Croácia, que se intitula a terra da gravata (sim, eles reinvindicam a invenção do acessório) e que detém uma enorme costa junto ao Mar Adriático, repleta de belezas naturais, patrimônio histórico riquíssimo e que vem reunindo alguns dos destinos mais consagrados da Europa na atualidade, como Split, Hvar e Dubrovnik, apenas para mencionar os mais evidentes e que, por tais razões, acabou naturalmente tomando a maioria dos dias disponíveis, pelo seu alto teor atrativo.

20140504_174102_resized [1024x768]

20140506_104609_resized [1024x768]

Além da Hrvatska, como eles chamam o seu país, passamos também pela Bósnia-Herzegovina, que acabou sendo uma gratíssima surpresa, revelando um país com uma história riquíssima (e triste também), muita cultura, diversidade religiosa, paisagens belíssimas, influência otomana e, infelizmente, sangrentas guerras recentes, que ainda atormentam a alma de um povo que tenta olhar pra frente, mas não consegue esquecer o seu passado de sofrimento. Visitamos também Montenegro, a menor de todas as antigas repúblicas, com uma população de cerca de 800.000 (oitocentos mil) habitantes que ficou vinculada à Sérvia até o ano de 2006, quando finalmente obteve sua independência definitiva.

20140510_164850_resized [1024x768]

20140511_110115_resized [1024x768]

20140513_124251_resized [1024x768]

Em um planejamento inicial, a Eslovênia (que faz fronteira com a Áustria e com a Itália) também estava incluída mas, optamos por cortá-la e deixá-la para uma outra ocasião, priorizando explorar a Croácia de modo mais uniforme e com menos correria. Acho que acertamos em cheio na escolha, pois se tivéssemos passado por aquele quarto país, teríamos visto menos locais na Croácia e feito uma viagem incompleta, com uma indesejável pressa.

20140507_141702_resized [1024x768]

Quando rascunhava o trajeto, a primeira grande pergunta que me veio à cabeça foi sobre as efetivas possibilidades de locomoção no país, devido às grandes distâncias entre alguns de seus pontos turísticos principais. Confesso que estava um pouco apreensivo sobre essa questão, embora já tivesse lido alguns relatos (não com a necessária ênfase) sugerindo não haver com o que se preocupar. Depois da minha experiência, com aluguel de carro, posso atestar de modo enfático e pontual que, tendo percorrido a Croácia de Norte a Sul, realmente não há o que temer.

20140505_115316_resized [1024x768]

20140505_115534_resized [1024x768]

O país é facílimo de explorar, com estradas espetaculares (quase sempre com cobrança de pedágio, apesar de baratas as tarifas), todas bem sinalizadas e com uma boa infra-estrutura de apoio aos viajantes, com postos de gasolina dotados de lojas de conveniência, caixas eletrônicos, banheiros limpos e alguns até com pequenas hospedarias para pernoite. Assim, estou convicto que a melhor opção é alugar um carro. Quem não puder ou não quiser essa alternativa também não encontrará problemas em se locomover, pois há uma excelente ligação rodoviária entre as principais cidades com frequências de ônibus que atendem com conforto aos deslocamentos necessários. Mas, acredite, estar de carro poupará ao visitante um tempo precioso, que não deve ser desperdiçado num lugar tão belo e com tanta coisa bacana pra ver e visitar.

20140507_111109_resized [1024x768]

Ademais, se a pessoa preferir, pode se deslocar entre as cidades principais, como Zagreb, Split, Dubrovnik, Zadar, Rijeka e outras, por via aérea. A Croatian airlines possui uma ampla cobertura dentro do país com frequências de vôos que cobrem bem o território nacional, com bons preços. Geralmente, mesmo nas maiores distâncias, como entre Zagreb-Dubrovnik, os vôos são curtos, não durando mais do que 50 minutos. Por outro lado, o país posui mais de 1000 ilhas na costa do Mar Adriático, que lá ostenta a sua parte mais azul turquesa e verde esmeralda.

20140508_163402_resized [1024x768]

Para explorar a costa, notadamente para se deslocar entre as ilhas e/ou entre as ilhas e o continente, a melhor opção são os barcos estilo ferry-boat e catamarãs da empresa Jadrolinja, que cobre toda a extensão da costa croata, inclusive realizando alguns trajetos para a Itália, como por exemplo para as cidades de Bari e Ancona. Esses ferries, inclusive, além de realizarem o transporte regular de passageiros, comportam também o transporte de carros. Assim, se a pessoa estiver em uma cidade do continente, e desejar visitar uma ilha com o veículo alugado para melhor explorá-la, poderá fazê-lo sem qualquer dificuldade, incluíndo o frete do automóvel na travessia. Trata-se, na verdade, de uma opção muito prática e funcional.

20140503_193619_resized [1024x768]

Vale acrescentar que todos os países visitados são muito seguros e não apresentam qualquer vestígio de criminalidade ou de violência, sendo muito tranquilo caminhar pelas ruas a qualquer hora do dia ou da noite. Cruzar as múltiplas fronteiras rodoviárias entre os países também é tarefa bem simples, bastando estar munido de um passaporte. E, apesar de falarem um idioma complicadíssimo, cheio de sons e fonemas absolutamente estranhos ao alfabeto latino, tem muita simpatia pelo povo brasileiro e quase sempre falam o inglês (e eventualmente o italiano ou o alemão) o que facilita muito a comunicação com os locais.

20140505_110521_resized [1024x768]

Outra questão fundamental no planejamento consiste em decidir a melhor época para a viagem. Bem, a Croácia é um país que, após a guerra, e recém ingresso na comunidade européia (o que foi formalizado oficialmente no dia 1 de julho de 2013), teve o seu setor industrial bastante enfraquecido e, portanto, a fonte de renda principal na economia do país advém do turismo, que emprega a grande maioria da população. Muitos inclusive tem empregos temporários de sete meses e ficam desempregados no inverno, vivendo das economias juntadas no período de pico. A temporada geralmente começa em abril e vai até o final de outubro, início de novembro, tendo o seu ápice de lotação e grandes multidões nos meses de julho e agosto, com um enorme fluxo de visitantes do norte da Europa, ávidos por uma boa praia e por muito calor.

20140512_125118_resized [1024x768]

Portanto, o melhor momento pra visitar os balcãs se dá entre a segunda quinzena de maio e o final de junho, ou no mês de setembro (isso me foi dito pelos próprios croatas). Nesses períodos, o clima já estará mais estável, com menos possibilidade de chuva e frio e, além disso, a temperatura da água no Mar Adriático já estará mais agradável e propicia ao mergulho e ao banho. Por outro lado, o calor infernal ainda não terá chegado e as multidões ainda não terão desembarcado dos seguidos vôos fretados e dos cruzeiros, o que ocorre apenas nos meses de pico, repito, julho e agosto, quando tudo estará insuportavelmente cheio e muito mais caro. Se puder, evite ir nessa época, a menos que esteja realmente buscando muvuca e badalação.

20140509_040725_resized [1024x768]

A moeda do país se chama Kuna (não há previsão de se passar para o Euro, embora isso seja uma possibilidade). Um Euro vale 7,6 Kunas aproximadamente. Existem locais oficiais de câmbio nos aeroportos, rodoviárias e nos pontos turísticos principais, Alguns hotéis também fazem a troca. Certos estabelecimentos, como agências de turismo, restaurantes, hotéis e lojas, aceitam o pagamento em euro, mas nesses casos, geralmente oferecem um câmbio  pior ao turista na conversão frente às kunas. Na Bósnia-Herzegovina, a moeda se chama marco conversível e um euro vale 2 marcos. Quando visitar esse país, convém cambiar alguns euros assim que chegar, pois percebi que eles tem mais dificuldade em aceitar o Euro. Finalmente, em Montenegro, a moeda corrente é o próprio Euro.

20140512_125732_resized [1024x768]

Na Croácia come-se muito bem, geralmente pela metade do custo de outros países que praticam preços bem mais caros na Europa, como Itália, França, Espanha, etc. Aliás, tudo costuma ser muito mais barato lá do que no restante do continente. ótimo pra quem está viajando com o câmbio em real. A gastronomia me surpreendeu positivamente, sendo que os melhores restaurantes (konobas) oferecem ótimas opções de peixes, crustáceos, ostras e frutos do mar, mas também de carnes, massas e saladas, atendendo a diversos tipos de paladares. O visitante se surpreenderá também com alguns belos vinhos, tanto brancos como tintos, principalmente da uva nativa chamada Plavac Mali. Tem também boas cervejas como a Karlovacka, estilo Pilsen, a mais famosa do país. Fiquei ainda bastante surpreso com a qualidade e o sabor da comida na Bósnia- Herzegovina, notadamente em Sarajevo, cidade de grande influência turco-otomana, e que tem uma culinária muito rica baseada em pratos de carne e de caças, tudo com muito tempero. Uma delícia!

20140508_135702_resized [1024x768]

Você já deve estar se perguntando sobre o roteiro? Bem, nada impede que a pessoa fique 1 mês ou mais, pois ainda assim terá muita coisa legal pra conhecer na região. No nosso caso, dispunhamos de 16 dias e optamos por priorizar uma parte da zona central do país, especificamente pra visitar os famosos e imperdíveis Lagos Plitvice (tema exclusivo do próximo post) e, em seguida seguir para o sul na região da Dalmácia, dedicando um tempo amplo para explorá-la. E, nesse interim, fizemos inserções de 2 dias na Bósnia e de 1 dia em Montenegro. Excluímos a Eslovênia, por questões de logística e também a região croata da Ístria, no noroeste do país, que fica próxima à Itália e à própria Eslovênia. ( E olha que nem cogitei a parte da eslavônia e dos condados do norte, mais a nordeste do país, próximos às fronteiras com Hungria e Sérvia)

20140505_095802_resized [1024x768]

Se a pessoa quiser fazer um roteiro mais extenso, pode passar pela eslovênia e pela ístria correndo e depois passar mais rápido também pelo centro do país e pela dalmácia. Nesse caso, pagará o preço de ver tudo de forma menos detalhada e sentindo menos a atmosfera de cada lugar, a não ser que disponha de muito tempo, o que é raro. Isso é fato. Penso que não há certo ou errado, mas apenas cabe a cada um decidir o que é melhor pra si. Não me arrependi de nossa opção, pois gosto de tentar captar minimamente o estilo e o ritmo de vida de cada lugar visitado, inclusive para poder conversar e interagir com os moradores.

20140502_101501_resized [1024x768]

Chegamos no país por Zagreb, a capital, via Lisboa pela TAP, que conta com 3 frequências semanais, com escala em Bologna.  A Cia. portuguesa somente voa para a capital do país. Air France, Lufthansa, Allitalia, British Airways e outras companhias voam para Zagreb e para Dubrovnik. Nos períodos de alta temporada, há diversos vôos também para Split, ponto de partida para a exploração das melhores ilhas. Inclusive as low-costs como easy-jet e ryanair voam para lá na temporada desde várias capitais européias.

20140509_114651_resized [1024x768]

De Zagreb, rumamos para os Lagos Plitvice, onde ficamos 2 noites, descendo após para Zadar, explorando a cidade com um pernoite e um dia inteiro. Em seguida pernoitamos em uma cidade chamada Skradin, base para explorar Sibenik e o maravilhoso parque nacional Krka Waterfalls, segundo mais visitado do país após os plitvice. Depois, visitamos a pérola Greco-Romana chamada Trogir e rumamos então para Split, terra do temido e megalomânico Imperador Romano Diocleciano, o perseguidor de cristãos, com uma noite em cada um desses locais. Prosseguimos por 3 noites na ilha de Hvar, local mais badalado do verão europeu, com incursões às ilhas de Vis e Bisevo (esta com uma incrível gruta azul que, segundo os próprios italianos, seria mais bonita que a situada em Capri). Em sequência, passamos 2 dias na Bósnia-Herzegovina, com destaque monumental para as espetaculares cidades de Mostar e Sarajevo. Voltando para a Croácia, permanecemos 4 noites em Dubrovnik, com uma extensão  à Montenegro na Baía de Kotor.

20140502_104206_resized [1024x768]

É o que seguirei contando nos mínimos detalhes, em cada um dos próximos 10 posts.

ps: as fotos estão propositalmente sem legenda, funcionando apenas como um aperitivo. Em cada um dos posts seguintes, apresentarei todos os locais.

20140512_124901_resized [1024x768]

Quem quiser me acompanhar, e tiver vontade de se esbaldar em belas fotos, ouvir boas histórias e decidir quais são os lugares essenciais a serem percorridos, já deve se sentir convidado…

 

Do Rio pro Mundo

135 pensamentos sobre “Dicas imprescindíveis para montar um roteiro de viagem pelos Balcãs: Croácia, Bósnia-Herzegovina e Montenegro.

Boia PaulistaPublicado em  1:26 pm - maio 29, 2014

Oi, pessoal. Tudo bem? 🙂

Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.

Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

Até mais,
Natalie – Boia

    Do Rio pro MundoPublicado em  1:33 pm - maio 29, 2014

    Que bom, valeu uma vez mais!
    Acho que Este post ficou bem didatico pra quem estiver pensando em ir pra lá. Pode ajudar. Assim como a sequência de 13 posts que se seguirão.

    Um gde abs.

Silvio Carlos CuryPublicado em  1:58 pm - jun 4, 2014

Muito bom o seu relato. Pretendemos visitar a região em setembro de 2015. Reservamos 30 dias.
Abraços,

    Do Rio pro MundoPublicado em  2:22 pm - jun 4, 2014

    Que bom Silvio. Espero ter te ajudado a chegar a algumas conclusões sobre seu roteiro. Com 30 dias, vc tem tempo suficiente pra incluir a istria e a eslovenia e visitar a espetacular bósnia com um pouco mais de calma. Explicarei melhor nos próximos posts.
    Um gde abraço e saiba que Setembro é uma excelente época para visitar a região.

LiaPublicado em  2:36 pm - jul 19, 2014

Gostaria de saber se a habilitação brasileira serve na Croácia e na Bósnia ou se é necessária um habilitação internacional? E também, se há alguma providência a ser tomada se eu quiser atravessar a fronteira (Croácia – Bósnia)?

Obrigada!

    Do Rio pro MundoPublicado em  2:45 pm - jul 19, 2014

    Boa tarde Lia,

    Sim, a carteira de habilitação brasileira é suficiente para alugar e dirigir um carro pela Croácia, Bósnia e demais países da região.

    Em relação à fronteira da Croácia com a Bósnia, não há qualquer grande problema. Basta parar o carro no posto policial de checagem, apresentar o passaporte para rápida conferência e, então, prosseguir viagem.

    Um abraço, Felipe.

      anaclaraPublicado em  9:18 pm - nov 9, 2014

      Oi Lia, Oi Felipe!

      Em setembro de 2015 eu e um grupo de 10 pessoas iremos participar de um congresso na croacia. Qual jeito que vocês recomendam para chegar lá? Quando fazemos a simulação das passagens direto para lá estão ficando em 5000 R$ ida e volta. É isso mesmo?

      Ana

        Do Rio pro MundoPublicado em  4:47 pm - nov 12, 2014

        O preço das passagens depende muito da época. Setembro ainda é o mes final da temporada. Assim, é possivel mesmo que os preços estejam mais caros. A Lufthansa, Qatar Airways, desde Budapeste, Tap tem voos para lá.tente fazer uma pesquisa.

José Luiz FerreiraPublicado em  9:48 pm - jul 29, 2014

Bom relato da viagem, mas faltou algo muito importante e se puder informe:
Qual a moeda melhor para o brasileiro levar, dólar ou euro?
Qual o preço da comida (uma refeição em restaurante popular), lanche, refri, cerveja e vinho?

    Do Rio pro MundoPublicado em  11:58 pm - jul 29, 2014

    Boa Noite José Luiz!
    Obrigado pela visita e pela pergunta.
    Sem duvida, a moeda melhor para levar é o Euro. Bem mais aceito do que o dólar, nem se compara.
    O preço de uma refeição depende muito meu amigo, mas com certeza eh bem mais barato que na Itália, França, Espanha, Alemanha, etc. Digamos, por 50 reais vc faz uma refeição honesta com um prato, sobremesa e uma taça de bom vinho da casa.
    Um abraço.

      Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  6:29 pm - ago 24, 2014

      Depende do lugar. Os lugares mais turisticos, tipo Dubrovnik, Split, Istria aceitam € sem problema, mas por exemplo Zagreb, a nossa capital, nao aceita em lugar nenhum. Para evitar qualquer complicacao, seria melhor perguntar antes de comprar. Tschau 🙂

Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  6:30 pm - ago 24, 2014

Parabens pela otima reportagem!:)

José Luiz FerreiraPublicado em  8:59 pm - ago 24, 2014

Porquê é tão difícil responderem objetivamente: Uma cerveja custa x Euros, uma água mineral custa x Euros, uma refeição média custa X Euros, uma garrafa de vinho local custa X Euros. Porra, prá que tantos mistérios? Prá planejar uma viagem estes dados são imprescindíveis.

    Do Rio pro MundoPublicado em  9:07 pm - ago 24, 2014

    Uma cerveja custa entre 15 e 20 kunas que dá 1,5 a 2 euros.
    Uma água mineral custa entre 5 e 10 kunas, tipo 1 euro.
    Uma refeição média com entrada prato principal e sobremesa custa em torno de 150 kunas, mais ou menos 20 euros.
    Com 150 kunas, é possível comprar uma garrafa de um bom vinho local num restaurante.

José Luiz FerreiraPublicado em  9:39 pm - ago 24, 2014

Estou indo dia 4 de outubro. Agora posso planejar melhor meus gastos, sabendo o que vou gastar em bebida, comida e hotel. Obrigado!!!

Cláudia GiestasPublicado em  8:50 pm - ago 30, 2014

Estou planejando uma viagem pela Croácia, Eslovênia, Bósnia-Herzegovina, Montenegro e, talvez, Sérvia. Adorei seus comentários sobre alguns desses destinos. Minha grande dúvida diz respeito à época da viagem, pois, infelizmente, eu só tenho possibilidade de viajar no inverno europeu – dezembro e janeiro. Sei que é um período em que algumas das atrações ficarão bastante prejudicadas. Mas gostaria de saber o quão prejudicada ficaria a viagem como um todo? O que vale a pena fazer no inverno?

    Do Rio pro MundoPublicado em  10:05 pm - ago 30, 2014

    Olá Cláudia, obrigado pela visita.
    Bem, o grande problema da viagem nessa época do ano é que, nesses países, a temporada turística vai de, digamos, finais de março até meados de novembro, sendo o ápice entre o final de maio e o meio de setembro. Fora desses intervalos, coincidentemente, exatamente quando você pretende ir, tudo fica meio morto, os serviços ficam precários e praticamente todas as atrações e restaurantes ficam fechadas ou tem seu horário de funcionamento bastante reduzido. Isso, evidentemente, não significa dizer que você está proibida de visitar aqueles países, muito pelo contrário. De repente, do limão, você acaba conseguindo fazer uma limonada. De cara uma grande vantagem. Você pagará muito barato em tudo. Todas as coisas estarão no mínimo pela metade do preço. Hotéis, passeios, restaurantes,etc. Em relação aos locais a serem visitados, eu evitaria as cidades litorâneas, pois, além do frio, sofrem muita influência de ventos gelados nessa época. Na Eslovênia você pode visitar Ljubljana e as cavernas postojna além do lago bled. Na croácia, visitaria Zagreb, os lagos plitvice (pelo ineditismo da experiência pois dizem que o visual do parque no inverno com os lagos congelados também é de cair o queixo sob outra perspectiva), dubrovnik, porque esta vale todo o sacrifício e a parte nordeste da Croácia, dos condados do Norte e da Eslavônia, com belos castelos e até algumas instâncias termais. Montenegro, por ter um perfil costeiro, eu evitaria pelas mesmas razões que evitaria o litoral Croata. E, na Bósnia, um país quase sem mar, não vejo problemas de você visiotà-la, priorizando a maravilhosa Sarajevo, Mostar e Medjugorje. A Sérvia não conheci, mas todos dizem que Belgrado é uma bela cidade. Assim, por não ter litoral, de repente a Sérvia também parece uma boa ideia. Em qualquer hipótese, esteja preparada para sentir muito frio e para ver as paisagens de uma maneira diferente da maioria das fotos que acostumamos a ver.
    Espero ter ajudado. Um abraço, Felipe.

      Cláudia GiestasPublicado em  2:00 pm - ago 31, 2014

      Bom Dia, Felipe! Suas informações, dicas e sugestões foram preciosas para mim. Agora, vou me debruçar sobre essas sugestões e traçar o nosso roteiro. Se eu tiver dúvidas, posso solicitar a sua ajuda, novamente? Depois que viajarmos, mando os comentários para o seu blog. Muito obrigada pela ajuda!
      Cláudia

maria bernadete malerboPublicado em  3:54 pm - set 24, 2014

Olá pessoal, também planejo conhecer os Balcãs, em 2015. Estou procurando dicas para organizar um roteiro legal, e é claro, os perrengues vão acontecer mas em menor proporção.
EStou pegando muitas dicas de seus comentários e também buscando companhia (possível)para essa viagem.
Continua lendo seus posts, parabéns.

    Do Rio pro MundoPublicado em  6:20 pm - set 24, 2014

    Valeu Maria Bernardete, obrigado por seus elogios. Ainda postarei sobre dubrovnik e a Bósnia. Espero que você siga acompanhando. Qualquer dúvida ou sugestão para seu roteiro, pode ficar à vontade para entrar em contato.

    Um abraço

SuellenPublicado em  7:48 pm - nov 6, 2014

Olá! ótimo roteiro. Gostaria de saber se sugere a viagem com bebê. Tem um ano…gosta de viagens. Me preocupo mesmo com acessos..enfim.

Obrigada.

    Do Rio pro MundoPublicado em  4:18 pm - nov 7, 2014

    Oi Suellen, obrigado pela visita.
    sim. Se o seu filho viaja numa boa acho que vale muito à pena você levá-lo. A croácia é um.país muito tranquilo, seguro e acessível onde vc nao encontrará qualquer problema em estando com o seu bebê.
    um abraço.

ViniciusPublicado em  6:12 pm - jan 6, 2015

Oi, tudo bem?

Estou querendo visitar a Eslovênia e Croácia em junho ou setembro. Seriam 23 dias de viagem. Estou indo com minha esposa e dois pequenos viajantes(um de 7 meses e outra de 2,5 anos). Como a família é grande, estamos querendo fazer um ritmo mais devagar. Poderia me dar sua opinião sobre o nosso roteiro?

rio -> ljubljana
ljubljana(2 noites)
ljubljana -> Bled
Bled(4 noites) – Conhecer bled, bohinj, Vintgar Gorge, Most na Soci, Triglav National Park, Kosjak Waterfall
Bled->Opatija(conhecendo Postojna e Predjana no caminho)
Opatija(2 noites) – COnhecer OPatija e Rovinj
Opatija-> Plitivice
Plitivice(2 noites)
Plitivice -> Zadar (conhecer zadar)
Zadar ->Split – Conhecendo Krka national park no caminho.
Split (3 noites) – Conhecer Split e Trogir
Split -> Hvar
Hvar(4 noites) – Conhecer Hvar, Stari Grad, Vis com gruta azul e verde
Hvar -> Dubrovnik
Dubrovnik(4 noites) Conhecer Dubrovnik e Montenegro

O que você acha? Tem algo imperdível que estou perdendo?
Você acha factível eu fazer essa viagem com 2 crianças pequenas?

Grande abraço,
Vinicius

    Do Rio pro MundoPublicado em  6:48 pm - jan 6, 2015

    Olá Vinícius, tudo bem?
    Olha, o seu roteiro está muito interessante. Vou dar os meus palpites.

    Acho que ljubljana 2 noites está ok. 4 noites em bled/bohinj acho um certo exagero, vc consegue esgotar suas pretensões com 3 noites. (depois te digo o que fazer com essa noite). A entrada na Croácia pela ístria me parece ok e vc poderá ver as postojna caves além de predjama castle. São próximos umas das outras, considere também as skocjan caves, que dizem, são imperdíveis.
    Eu ficaria em Rovinj ao invés de Opatija, pois além de ser uma cidade mais interessante, vc. poderia mais facilmente conhecer Pula em um bate volta. Nesse caso, você sairia de Rovinj depois do almoço no dia de ir embora e chegaria com tempo nos lagos plitvice. Tempo pra se instalar no hotel , comer e descansar pra visitar o parque no dia seguinte. Recomendo o hotel jezero ao lado da entrada principal, com estrutura de refeição e descanso, principalmente pra vc que está com crianças. no dia seguinte visite os plitvice e descanse ao final do dia e durma em plitvice, partindo pra Zadar cedo no dia seguinte. Essa parte está perfeita. De zadar em diante seu roteiro está perfeito. Entre Zadar e Split vc. pode perfeitamente fazer a visita ao Krka, sugiro apenas um pernoite na vila de skradin, de onde ´parte o barco oficial do parque krka. Vc está programando 3 noites em Split. Eu acho ótimo, mas talvez tiraria uma de split e colocaria em Trogir mesmo, que vale muito à pena. Pois se pernoitar em Trogir, poderá aproveitar a cidade em um horário em que ela não mais estará invadida pelos turistas e terá uma experiência bem mais agradável. Em Hvar recomendo todas as noites possíveis. Além dos passeios que vc falou, não deixe de visitar a ilha de brac/bol para conhecer a famosisima e bela praia de Zlatni Rat. Soltarei o post do passeio das três grutas essa semana e o de dubrovnik na semana que vem. Dubrovnik fiz igual a vc. 4 noites e 1 day tour a Montenegro. Perfeito e tempo suficiente. Eu pegaria aquela noite de Bled e pernoitaria em skradin pra ver o krka com mais calma e dando uma quebrada entre Zadar e split/trogir. Se vc. não achar necessário, pode usar essa noite pra conhecer Zagreb também, que é muito perto de ljubljana e me pareceu uma cidade bem interessante!
    Não vejo qualquer problema em vc fazer o trajeto com seus filhos. Ms pra isso é fundamental que vc. alugue carro, pra ter mais autonomia nos deslocamentos. Evidentemente, vc terá algumas limitações mas nada que impeça a sua curtição. Bem, espero ter ajudado. Boa sorte e fique à vontade pra novas perguntas.

    Um abraço. Felipe.

    ps: Bósnia-Herzegovina não né? Eu fui e gostei muito. Mas talvez com criança a logística seja realmente mais difícil pois o país tem um pouco menos de infra estrutura turística…

      ViniciusPublicado em  11:59 am - jan 7, 2015

      Oi Felipe,

      Obrigado pela resposta, foi bem completa.
      Realmente acho que posso tirar 1 noite em Bled. Quanto a dormir em Rovinj ou Opatija, eu ainda estou em duvida. Rovinj é mais bonito(ao menos pelo que li) que Opatija, mas irá acarretar em mais tempo dentro do carro. De todo o roteiro, a região da Istria me parece ser menos espetacular que o resto. Seria mais um ponto de apoio para descansar, antes de chegar aos lagos. Dirigir de Bled até Plivitice seria puxado demais.
      Gostei das sugestões de dormir em Trogir e Skradin, mas talvez eu não durma lá, pois ficar trocando de hotel geralmente é chato. Em contrapartida você aproveita melhor o local, vou pensar mais.
      O Marcelo Schor la do blog também esta insistindo para eu ficar o máximo que puder em Hvar. Recomenda algum hotel ou apt de lá?
      Quanto a Bósnia, me parece interessante, mas deixarei para uma próxima oportunidade.
      Outra coisa é quanto ao período. Estou inclinado para setembro, mas acho que as cachoeiras podem estar mais secas, sem falar que nessa viagem tem muita natureza, e depois do verão costuma perder um pouco da beleza. Difícil escolher.
      Obrigado pela ajuda, um abraço
      Vinicius

        Do Rio pro MundoPublicado em  10:11 pm - jan 7, 2015

        Realmente Vinícius. Se vc ficar em Opatija, dirigirá um pouco menos até os plitvice lakes. Em compensação, apesar de ‘ganhar’ talvez 1 hora de estrada, em tese perderá a chance de ficar em uma cidade muito especial na Istria, mais bonita e mais turística. Realmente vc. Precisa avaliar bem.

        Em relação à Hvar, pode ter certeza que quanto mais tempo, melhor. Fiquei em um otimo hotel, chamado Villa Nora Hvar. Considere esta possibilidade. Muito confortável, com banheiro excelente e quartos espaçosos além de um excelente café da manhã e gestão familiar.

        Sobre o pernoite em Trogir, reflita mas também não se preocupe tanto, pois está a 15 minutos de carro de Split. Entào, não faz tanta diferença assim. O mesmo não se pode dizer em relação ao trecho entre Zadar e Split, principalmente visitando o Krka. Daí ser interessante vc considerar o pernoite em Skradin. Concordo com vc em relação às entradas e saídas de hoteis. Isso realmente é bem chato, mas em certas ocasiões acaba sendo inevitável.
        Por fim, se tivesse que optar entre maio ou setembro, apesar de ter ido em Maio de 2014, constatei que nessa época eles ainda estão aprontando as coisas para o pico da temporada que vai de junho até final de agosto. Muitos restaurantes e atrações ainda estão fechados ou em reforma para a chegada em massa dos turistas. Todos os croatas me falaram que setembro eh a época ideal, pois a manada de turistas, principalmente os europeus do norte, já se foi e os serviços ainda funcionam e já estão mais tranquilos, assim como os prestadores de serviço, que já ganharam seu dinheiro da temporada alta e estão mais relaxados.

        Bem, vamos conversando por este canal, até porque isso pode ser útil para outras pessoas.

        Qualquer nova dúvida, mantenha contato.

        Um grande abraço. Felipe

          ViniciusPublicado em  10:34 am - jan 8, 2015

          Obrigado Felipe. Vou começar a olhar os hotéis de Rovinj e Skradin e depois te digo se vou dormir lá ou não.

          Agora eu tenho uma dúvida sobre o que fazer com o carro em Hvar. Eu venho de carro da Eslovênia até Split. Minha ideia inicial era ir de carro para Hvar, usaria ele para conhecer Stari Grad. No dia de ir embora eu iria dirigir até Sucuraj e de lá pegar a balsa até Drvenik. Aí pé na estrada até Dubrovinik. Mas como vou ficar muitos dias em Hvar, eu não pagaria caro em balsa e estacionamento para ficar com ele parado em Hvar? Você manteve o carro?

          Abraços,
          Vinicius

          Do Rio pro MundoPublicado em  4:21 pm - jan 8, 2015

          Vinícius, essa dúvida também me atormentou e eu fiz um comentário bem extenso sobre isso no post sobre Hvar. Eu fui sem carro e não me arrependi. segue a transcrição do que falei lá:

          “Nota importante: Você pode estar planejando seu roteiro e se deparar com o seguinte dilema que acho que todo mundo enfrenta: É possível levar o carro alugado que a pessoa já vinha usando no continente até a ilha e depois voltar novamente com o veículo para seguir viagem? Sim, nesse caso, você deverá comprar os tícketes do ferry da empresa Jadrolinija, incluindo o transporte do automóvel. Se optar por essa alternativa, obrigatoriamente terá que saltar em Stari Grad, um outro vilarejo na ilha de Hvar, pois em Hvar Town, só chegam catamarãs menores da Jadrolinija, que não comportam o transporte de veículos, mas somente de passageiros. No nosso caso, optamos por ir sem o automóvel, que deixamos em Split antes de embarcar para Hvar. Além de pagar mais caro para trazer o carro, você poderá deixar para alugar um veículo, se desejar, na própria ilha, por um dia ou até por uma tarde, tempo suficiente para explorar as outras partes interessantes e trafegar pela estrada pitoresca que corta o local. Se a estadia for de três noites, tempo minimamente ideal, certamente não usará o carro mais do que um dia pois nos outros, fará passeios de barco pelas praias e demais atrações da região.”

          Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  9:01 pm - jan 22, 2015

          Oi Vinicius!
          Só um conselho. A Croácia é um país pequeno onde tudo fica perto e não é preciso mudar tantos hotéis. Eu ficaria nas grandes cidades fazendo excursões. Por exemplo, eu gostaria mais de dormir em Split onde tem ótimo alojamento e fazer um dia excursão para o parque Krka, que fica perto se for dirigindo pela auto-estrada. Chega num instante. Skradin sim é lindíssimo mas é pequeno e não tem muitas coisas para fazer além do parque.
          Caso precisar mais alguma ajuda quando estiver na Croácia, pode contatar-me.
          Natasa

NewtonPublicado em  7:47 pm - jan 17, 2015

Belo relato parabéns!
Pretendo fazer uma viagem em junho por 4 dos países que compunham a antiga Yugoslavia.
A idéia é chegar por Zagreb, ir a Belgrado, Sarajevo, Mostar, Kotor, Dubrovnik, Hvar, Split, Zadar, Plitvice e voltar a Zagreb. Tudo de carro.
Aí chegamos a minha dúvida: É possível alugar um carro na Croácia (Zagreb) para viajar por todos estes países? É necessária alguma permissão especial?
Tentei fazer algumas cotações pela Internet e todas vieram com a restrição para rodar apenas na Croácia. Você tem alguma dica ou teve alguma dificuldade com isso?
Muito obrigado e boas viagens.
Newton

    Do Rio pro MundoPublicado em  8:09 pm - jan 19, 2015

    Oi Newton,

    Obrigado pelos elogios.

    Bem, eu visitei Croácia, Bósnia e Montenegro, mas, por coincidência, contratei um tour privativo de split até a bósnia e um day tour para Montenegro desde Dubrovnik. só dirigi pela Croácia.

    Aluguei o carro pela car rental, vinculada ao booking.com. nesse site, não havia qualquer pergunta e/ou restrição sobre quais países eu iria. Desconheço essas restrições. o que sei é que se vc por ex, for dirigir na Eslovênia, tem que comprar um tíquete logo após a fronteira, para não ser multado no país. Talvez seja interessante vc. colocar os pontos de retirada e devolução do carro na Croácia, caso essa restrição siga ocorrendo no site que te indiquei, por onde fiz. Mas, repito, desconhecia essa situação por vc. narrada nem nunca havia lido qualquer comentário sobre isto.

    Um grande abraço. Felipe.

      Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  8:54 pm - jan 22, 2015

      Enquanto eu saiba, não existem restrições para brasileiros na Croácia, até acho que é possível passar por 4 países com o mesmo carro porque vi muitos turistas fazendo isso. Esse tíquete na Eslovênia chama-se „vinjeta“ e não existe na Croácia.

      Boa viagem!:)

maria bernadete malerboPublicado em  3:55 pm - jan 22, 2015

Gostei das dicas: como vou começar a rascunhar o roteiro preciso de dicas de qual a empresa contratada para tour privativo de split até a bósnia e um day tour para Montenegro desde Dubrovnik que vc usou?
Continuo seguindo os comentários.
.

Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  8:49 pm - jan 22, 2015

Do Rio pro Mundo, além da sua reportagem, gosto das suas respostas também. Vê-se que conheceu muito bem o meu país!:) Parabéns!

YaraPublicado em  11:02 pm - fev 21, 2015

Amei o site. Vou sempre dar um pulinho aqui para decidir minhas viagens, ele é muito completo. Estou com uma dúvida cruel. Ainda não conheço a Europa. Só fiz roteiros “exóticos” até agora, Egito, Dubai, Matchu Pitchu, Patagônia, Indochina. Vou viajar com minha mãe em maio/junho e estamos em dúvida entre Alemanha, Eslovênia e Croácia (Frankfurt, Heidelberg, Floresta Negra,Titisee, Lindau, Fussen, Neuschwanstein, Wieskirche, Oberammergau, Linderhof, Abadia de Ettal, GarmischPartenkirchen, Innsbruck, Munique, Rothenburg, Zagreb, Ljublijana, Bled, Postojna, Plitvice, Split, Dubrovnik) ou
Croácia, Albânia, Macedônia e Montenegro (Zagreb, Plitvice, Trogir, Split, Dubrovnik, Budva, Shkodra, Tirana, Ohrid, Skopje, Kolasin, Centije, Kotor).

Qual dos dois roteiros vc acha mais bacana?

Obrigada.
Yara.

    Do Rio pro MundoPublicado em  10:19 pm - fev 23, 2015

    Olá Yara.
    Bem, inicialmente agradeço muito os seus carinhosos elogios a esse trabalho, que me deixam lisonjeado.

    Em relação à sua dúvida, confesso ter um pouco de dificuldade em respondê-la, por 2 motivos. O primeiro é que a decisão final de um roteiro é sempre pautada por altas doses de subjetivismo e, assim, dizer de forma taxativa que um lugar vale mais à pena do que outro, consiste em fazer uma afirmação que, fatalmente, vai obrigatoriamente ter que desconsiderar uma série de fatores que militariam em prol da opção inevitavelmente preterida. O segundo motivo, é que não conheço a Albânia e a Macedônia.

    Apesar disto, não deixarei de te dar a minha opinião. Ficaria tranquilamente com a primeira opção. Pelo roteiro que você esboça, julgo que vc. precisa de uns 25/30 dias para cumprí-lo de modo minimamente satisfatório.
    A parte da Alemanha já está bem extensa e você poderia eliminar alguns trechos. Eu tiraria a parte da floresta negra pois isso iria ‘desviar sua rota’ para o oeste. Quem sabe, partindo de Frankfurt, focar em Munique, dando um pulo antes em heidelberg e rothenburg ob der tauber e depois rodar por garmisch-partenkirschen, visitando Zugspitze e fussen, com Neuschwanstein, Linderhof e a cidade de Oberammergau. (fiz esse roteiro em setembro passado e publicarei em breve novos posts). Em contrapartida, vc. pode acrescentar salzburg, além de innsbruck na Aústria, e passar um dia na cidade de Hallstatt. Seu trecho na Eslovênia está bem adequado.

    Na parte croata, não deixe de incluir Hvar em seu roteiro, ao menos por 2 noites. Por fim, você, estando em dubrovnik, pode fazer um day tour visitando a belíssima riviera montenegrina.

    Qualquer nova dúvida, mantenha contato. Um abraço.

ElizabethPublicado em  2:03 pm - fev 24, 2015

Parabens pelo relato!!! Demais seu texto!
Me deu mais certeza de que meu próximo destino será esse tb. Só que quero incluir Belgrado e andar de trem. Um trem que o Marechal Tito andava, vc já ouviu falar? Ele é super turístico mas não encontro muitas informações dele não. Vai de Belgrado a Bar. Se vc puder me passar informações…
Eu gostaria de alugar um carro na Croácia pra rodar além dela, em Montenegro e Bósnia. A viagem vai cerca de 15 dias. Eu consigo fazer isso? O ideal era pegar na Croácia e entregar em outro país (mesmo sendo um pouquinho mais caro). Alguém me indica um nome de loja pra alugar um carro? Eu fiz isso na Eslováquia, Eslovênia, Áustria, Hungria, República Tcheca e Alemanha e foi um sucesso. Estradas ótimas e super bem sinalizadas. GPS sempre a postos e funcionou perfeitamente. Eu sempre alugo o carro pela empresa auto europe. Fiz isso na Europa Central e África do Sul. Qdo eu aluguei em Munique tinha até um alemão que falava português pra nossa comodidade. Se alguém quiser informações sobre as minhas viagens de carro é só me mandar um email. Elizabethwerneck@gmail.com
Não tenho blog de viagens nem nada, mas como pego taaaaaaaaaantas informações legais nos blogs que me sinto sempre em dívida, querendo ajudar tb os viajantes brasileiros!

    Do Rio pro MundoPublicado em  4:19 pm - mar 6, 2015

    Oi Elizabeth. Não ouvi falar desse trem não, mas deve ser bem legal e histórico. Sim vc pode alugar o carro na Croácia com muita tranquilidade. Não há qq problema em fazer isso. Faça pelo serviço de car rental da booking.com. Eles tem ótimas tarifas. Foi o site que usei e correu tudo bem. Sugiro apenas que vc. retire e entregue o carro na Croácia, ainda que em outra cidade.

    Um abraço, Felipe.

diogoPublicado em  2:16 pm - fev 25, 2015

Que acham do meu roteiro de 9 a 15 de Agosto de 2015.
Chegada a zagreb às 12h00. Pego o carro e conheço a cidade à tarde com pernoite.
10/08- continuar a conhecer a zagreb de manha e depois de almoço vou para os lagos e passo lá a noite.
11/08- levantar bem cedo e conhecer o parque pivlitce no final do dia pernoite no mesmo sítio
12/08 bem cedo parar em zadar e sibenik para conhecer a cidade e no final do dia pernoitar em troguir
13/08/ conhecer troguir demanha e ir para split à tarde com pernoite lá
14/08 continuar a visitar split e ir a brela conhecer uma das praias mais famosas e pernoitar em buska vudda
15/o8 ir para dubrovnik bem cedo e entregar o carro
16/08 conhecer dubrovnik
17/08 ir a uma das ilhas perto qual aconselham?
18708 demnanha despedir de dubrovnik e a tarde apanhar o aviao
Que acham do roteiro?

    Do Rio pro MundoPublicado em  4:00 pm - mar 6, 2015

    Olá Diogo. O roteiro está bom. Apenas eu acrescentaria no mínimo mais uma noite em Split para vc poder fazer, partindo e voltando de Split, um passeio de dia inteiro para Hvar, que é espetacular. Perto de Dubrovnik, vc tem passeios legais tanto para as ilhas elafiti, como para a ilha de Mljet. Todos esses são passeios que permitem ida e volta no mesmo dia.

    Um abraço.

    Felipe

MárciaPublicado em  7:23 pm - mar 5, 2015

Oie

Primeiro queria agradecer toda essa ajuda, ainda não vi os posts individuais, até porque não achei os links, como faço? Mas queria também uma opinião sobre meu roteiro. Que pretendo fazer em setembro (talvez não esse ano porque as moedas estrangeiras estão um absurdo).

Eu e meu marido passaremos 10 dias na Suíça. E chegaremos na Eslovênia no início de setembro. A ideia é passar 3 noites em Lubliania e depois 3 dias em Budapeste. Aí seguimos pra Croácia. Ainda não vi nada de Lubliania e Budapeste, mas meu roteiro da Suíça está pronto. Estou agora empenhada no da Croácia. Pensei no seguinte:
Dia 1: chegada em Zagreb e passeio pela cidade
Dia 2: bate e volta nos lagos Plitvice
Dia 3: bate e volta em Krka Waterfalls
Dia 4: ir pra Split e conhecer o palácio de Diocleciano e subir no monte Marjan
Dia 5: bate e volta de Split pra Brac, conhecer a praia Zlatni Rat
Dia 6: seguir pra Hvar e conhecer a cidade
Dia 7: passeio de um dia: Blue Cave, Green Cave, ilha de Vis, etc
Dia 8: seguir pra Dubrovinik- passeio pela cidade, muralhas, teleférico, e etc
Dia 9: passeio( estou na dúvida se vou pra Korcula, Mljet, ou 3 ilhas de Elafiti)
Dia 10: manha aproveitar a cidade de Dubrovinik e a tarde avião pra Zurich pra voltar pra casa
Depois de ler seu post fiquei com vontade de incluir mais um dia em Split pra conhecer a Bósnia ou aquela cidade medieval. E Mai um dia em Dubrovinik pra um dia de tour em Montenegro. Você acha que pra pra Brac é melhor eu ir de Split ou de Hvar? Acha que a programação está realística? Falta algo imperdível? Podem me dar uma opinião sobre meu roteiro. Pretendo ir de carro de Zagreb a Split e deixar o carro lá pra segui pras ilhas de Ferry, o que acha? Acha melhor depois eu alugar o carro de novo pra seguir de Hvar pra Dubrovinik ou sem necessidade? Muito obrigada desde já.

    Do Rio pro MundoPublicado em  4:14 pm - mar 6, 2015

    Olá Márcia.

    Seu roteiro está bem legal. Mas tenho algumas ressalvas para otimizá-lo.

    Bem, eu pegaria o carro, sairia de Zagreb, após conhecê-la e desceria para os lagos, pernoitando no hotel Jezero, ao lado do parque. Não faz muito sentido vc. pegar quase 2 horas de estrada de Zagreb até o parque, para depois retornar, principalmente se considerar que pretende seguir para o sul e o litoral. No outro dia, já em Plitvice, desceria para Zadar ou Split e, de lá, faria o passeio para krka waterfalls.

    Para visitar Brac/ Bol e para fazer o passeio das 3 grutas, é melhor vc. montar base na ilha de hvar e partir de lá mesmo. Se puder estender a estada em 1 noite, acrescente em dubrovnik e faça o day tour para a riviera montenegrina. Viável e fácil de fazer em um day tour. Para a Bósnia, desde Split, acho que vc. precisaria de, no mínimo, mais 2 noites, para conhecer Sarajevo e Mostar.

    Por fim, quanto à questão do carro, creio ser mais fácil vc. entregar o carro em split e rumar de ferry ou catamarã para Hvar. Após, voltando para Split, vc. pode fazer o tour pela Bósnia (nesse caso recomendo o tour guiado pelas peculiaridades do país) que já te deixaria ao final em dubrovnik, ou apenas contratar um transfer de Split para dubrovnihk. (que ficaria muito mais barato do que deixar o carro parado em Split ou mesmo do que fazer um novo aluguel). Lembre-se que em Dubrovnik, e mesmo para o day tour em Montenegro, o carro é absolutamente dispensável…

    Bem, espero ter ajudo. Quaisquer novas dúvidas, não hesite em manter contato.

    Um abraço, Felipe.

MárciaPublicado em  4:34 pm - mar 6, 2015

Oi Felipe

Puxa, muito obrigada pela ajuda.
Só mais algumas dúvidas?
Pensei em ir de carro pros lagos de Zagreb porque tenho hospedagem lá de graça. Aí ficaria mais barato. Mas vou considerar ir pra Krka de Zadar sim, aí eu Proveito e conheço um pouco de lá.
Resolvido então, ficarei 3 noites em Hvar pra ir pra Brac e as grutas de lá.
Quanto ao carro deixarei e, Split e seguirei de Ferry mesmo. Acho que vou estender uma noite em Dubrovnik pra conhecer Montenegro. No dia que rareio o passeio em Dubrovnik, o que acha melhor: Mljet, Korcula ou o passeio das três ilhas Elafiti?
Acho que vou tirar a Bósnia e deixar o dia pra Trogir, ou será melhor o tour de um dia na Bósnia?

Muito obrigada mesmo

    Do Rio pro MundoPublicado em  12:48 am - mar 17, 2015

    Bem, em relação à ilha a ser visitada desde Dubrovnik, recomendo Mljet ou Elafiti. Acho que Korćula é muito longe para um day-tour.

    A bósnia demanda, em minha opinião, ao menos 2 dias. Assim, acho que você aproveitará melhor um dia em Trogir.

    A minha sugestão foi mesmo ir de Zagreb para plitvice de carro mesmo.
    krka, vc pode ir ou de zadar ou de split.

      MárciaPublicado em  6:17 pm - mar 17, 2015

      Oi Felipe

      Valeu mesmo toda a ajuda. Agora sim meu roteiro está fechado, ficou assim:
      Dia 1- Chegada em Zagreb, conhecer a cidade
      Dia 2- Lagos Plitvice, a partir de Zagreb
      Dia 3- Chegar em Zadar a partir de Zagreb, conhecer a cidade, dormir lá.
      Dia 4- Parque Krka, a partir de Zadar, dormir e, Skadin
      Dia 5- Trogir de manha e Split a tarde, dormir em Split
      Dia 6- seguir cedo pra Hvar, conhecer a cidade dormir lá.
      Dia 7- Passeio em Zlatni Rat, Brac
      Dia 8- Passeio pelas ilhas de Vis e Bisevo, e cavernas
      Dia 9- seguir cedo pra Dubrovinik, conhecer a cidade
      Dia 10- passeio e, Mljet, não sei se foi a melhor escolha, gostei do que vi tbm sobre as ilhas Elifat, mas acho que preferi Mljet, e como terei de escolher…
      Dia 11- passeio em Montenegro
      Dia 12- Manha na cidade de Dubrovinik, tarde voltar pra casa.
      O que acha?
      Agora faltam pequenos detalhes, qualquer dúvida te pergunto. Valeu mesmo.

        Do Rio pro MundoPublicado em  12:56 am - mar 18, 2015

        Oi Márcia, seu roteiro está ótimo. Apenas pondero que, do jeito como está, talvez falte um pouco de tempo para ver o lago plitvice por inteiro, já que, saindo de zagreb (1,5 horas de percurso), você começaria a exploração de plitvice na melhor das hipóteses próximo ao horário de almoço. opte por estar mais tempo no parque. Você tem duas alternativas: Retira zagreb do roteiro e chega direto indo para os plitvice, como fiz (nesse caso você já acordaria no parque e teria o dia inteiro) ou então sacrifica a manhã do dia seguinte e deixe para ir pra zadar apenas na parte da tarde. Assim você ganha mais tempo pra ver os lagos. Pode fazer a parte alta em uma tarde e a parte baixa na manhã seguinte.

        Um abraço, Felipe.

          MárciaPublicado em  12:13 pm - mar 18, 2015

          Hum entendi. Será que não da pra sairmos bem cedo de Zagreb e chegar lá umas 8:30? sei que seria cansativo, mas assim estou economizando duas diárias. Porém mesmo indo de manhã pros Lagos a partir de Zagreb, estou na dúvida se compensa voltar pra Zagreb pra no dia seguinte ir pra Zadar. Ja que teria de gastar com combustível. Você acha que financeiramente falando compensa bem mais dormir perto do parque e no dia seguinte seguir pra Zagreb?

          Do Rio pro MundoPublicado em  10:31 pm - mar 24, 2015

          Oi Márcia. Não compensa de jeito nenhum voltar para Zagreb. Vc. perderá um tempo precioso e, te garanto, a economia não valerá a pena. Durma nos arredores do parque e siga pra Zadar no dia seguinte.
          Um abraço.

Raquel Liboreiro espeschitPublicado em  11:49 am - mar 11, 2015

Vamos viajar para Croácia em abril/2015.
Não conhecemos nada! O que vc sugere de hotéis , restaurantes e locais como praia ou lagos! Vamos ficar 4 dias na Croácia!
Obrigada

    Do Rio pro MundoPublicado em  12:43 am - mar 18, 2015

    Boa Noite Raquel,

    Difícil responder pois a sua pergunta é muito genérica.
    4 dias é muito pouco pra conhecer minimamente o básico do país. Assim, sugiro que você opte apenas por Dubrovnik, esticando um dia para Montenegro.
    Abril de 2015 ainda estará frio para as prais, então, essa alternativa não parece a melhor.

    O ideal seria 3 dias em dubrovnik e 1 dias para os lagos plitvice. Ocorre que estes ficam bem longe de dubrovnik e vc perderia quase um dia inteiro com deslocamentos.

    Um abraço, Felipe

      Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  6:23 am - mar 18, 2015

      Eu concordo com Filipe. Até Plitvice tem mais de 5h de carro, então é melhor ficar em Dubrovnik e fazer a excursão para Montenegro que é país lindíssimo. Os melhores hotéis na cidade são Villa Dubrovnik, Hotel Excelsior e Grand Villa Dubrovnik. Outro bom mas um pouco mais econômico é o hotel Lero.
      Saudações desde Croácia.:)
      Natasa

anaPublicado em  6:40 pm - mar 24, 2015

ola,
VOU A DUBROVNICK DIA 12 DE MAIO ATE 16 MAIO COM MEUS PAIS
QUERO SABER QUAL O MELHOR LOCAL PARA SE HOSPEDAR,
COMO SAO OS TRANSPORTES POR LA?
ONIBUS E TAXIS SAO FACEIS DE PEGAR?
E OQUE VC SUGERE DE PASSEIOS NA CIDADE E DE BARCO?
POR FAVOR ME AJUDE POIS ESTOU PREOCUPADA COM ELES…SE EU FOSSE SOZINHA ERA OUTRA HISTÓRIA MAS COM ELES TENHO QUE PROGRAMAR BEM ESTA VIAGEM.
OBRIGADA
ANA

    Do Rio pro MundoPublicado em  10:35 pm - mar 24, 2015

    Bem Ana, os melhores lugares para se hospedar são perto do centro histórico. Tente alugar um apartamento pelo booking.com. Existem várias opções nesse sentido. Explico bem essa logística no post sobre Dubrovnik. Há hotéis mais afastados, mas eles te deixam dependente de ônibus, o que talvez não seja o ideal na sua situação. Os transportes são bons. Tem várias linhas de ônibus e táxis são muito fáceis de chamar e de se locomover. Fique tranquila. Seus pais não enfrentarão qualquer problema. Sugiro o passeio do cable car, o passeio pelas muralhas e caminhar muito pelo centro histórico. Vale também um passeio de um dia para Montenegro. De barco, você pode visitar as ilhas Elafitti ou então, passar um dia na ilha de Mljet, que tem uma reserva natural bem famosa e visitada.

    Dubrovnik em PortuguêsPublicado em  3:51 am - mar 25, 2015

    Olá Ana,

    Filipe explicou tudo muito bem no post, siga as dicas dele. Dubrovnik é uma pequena cidade, muito simples e segura, não se preocupe.
    Pode dar-lhes o meu contato caso precisarem alguma coisa quando estiverem aqui.

    Natasa

CarlaPublicado em  6:53 pm - mar 27, 2015

Olá Felipe,

Eu e minha irmã pretendemos ir para a Croácia em meados de junho e temos 20 dias disponíveis. Ainda não li todos os posts mas para comprar o aéreo e definir o roteiro gostaria de sua sugestão sobre a ida e a volta para o Brasil, por ex. chegar por Split ou Zagreb ou Dubrovnik, e voltar pelo mesmo local escolhido ou chegar por um deles e voltar por outro.
Obrigada,

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:27 pm - mar 27, 2015

    Olá Carla, esse tempo que vcs tem disponível é fantástico e poderão ver tudo com muita calma. Em relação à sua dúvida, acho que o ideal é, ou vc. chegar por Zagreb, e fazer o trajeto descendo, ou chegar por Dubrovnik e fazer o percurso subindo. Depende também de qual empresa aérea vc. vai escolher. A TAP, por exemplo, não voa para dubrovnik. Então, se esta for a sua opção, vc. chega em Zagreb, vai descendo e, finalizando em dubrovnik, pega um voo da croatian airlines no dia da volta bem cedo para Zagreb e embarca com a tap. Se não me engano, a lufthansa e a air france fazem as duas cidades, então vc. pode armar a ida e volta partindo uma de cada cidade. Veja, embora vc. tb. possa voar para split, acho que chegar por zagreb ou dubrovnik, facilita a logística do deslocamento. Um abraço e, qq outra dúvida, não hesite em perguntar.

    Felipe.

JulianoPublicado em  1:26 pm - mar 29, 2015

Muito bom o post.
Estou pretendendo ir para a Croácia em Junho, mas pensei em voar até Veneza e lá alugar um carro para então ir até a Croácia e aproveitando para também dar uma paradinha pela Slovenia.
Você sabe se há alguma restrição em alugar o carro na Itália para viajar até a Croácia?
Obrigado

    Do Rio pro MundoPublicado em  8:55 pm - mar 29, 2015

    Valeu Juliano!
    Não há qualquer problema em alugar o carro na Itália e dirigir até a Croácia. Somente se vc. entregar o carro lá, lembre-se que terá que pagar uma taxa de retorno do veículo em país diferente. Isso pode encarecer um pouco sua locação. Na Eslovênia, é preciso um tíquete especial para transitar no país que deve ser grudado no pára-brisa. Assim, após cruzar a fronteira em trieste, compre o passe no primeiro posto que encontrar. Na Croácia, não há essa exigência.

    Um abraço, Felipe

JulianoPublicado em  10:27 pm - mar 29, 2015

Obrigado Felipe!

Um abraço!

Roberto M. AlmeidaPublicado em  5:40 pm - abr 14, 2015

Parabéns pelo blog.
Irei daqui a dez dias (24/04/2015) a Belgrado.
Pretendo alugar um carro na capital da Sérvia e fazer um passeio pelos países que integram a ex-Iuguslávia por onze dias.
Falo razoavelmente o inglês, o espanhol e o francês, mas nada sei do idioma daquela região.
Outra dúvida é saber se tem como alugar um carro com o mesmo GPS programado para países como Sérvia, Croácia, Bósnia, Kosovo e Eslovênia.
O que diria da Bulgária e da Albânia, países não integrantes da extinta Iuguslávia?
Saudações cordiais e muito grato pelas dicas.
Roberto

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:47 pm - abr 22, 2015

    Oi Roberto, desculpe a demora na resposta. É que estou viajando novamemte. Sim vc pode cruzar todos os países com um GPS comum a eles todos. Solicite isso junto à Locadora. Desculpe mas a Bulgária e Albânia não conheço.

    Uma excelente viagem.

ViniciusPublicado em  6:36 pm - maio 20, 2015

Oi Felipe,

Você me recomendou fazer um passeio a Bol a partir de Hvar, e fiquei interessado no passeio. O problema é que não estou achando aqui quanto custa esse passeio, os horários, quanto tempo é de navegação até lá, etc.

Você poderia me dar mais informações do bate-e-volta a Bol a partir de Hvar?

Abraços,
Vinicius

    Do Rio pro MundoPublicado em  12:44 pm - maio 25, 2015

    Olá Vinícius,

    Não se preocupe. Mais de 10 agências oferecem esse passeio desde hvar town. Basta chegar lá e procurar. Recomendo Ilirio’s hvar tours. A navegação até Bol dura cerca de 40/45 minutos. Eles fazem geralmente uma saída pela manhã passando o dia na ilha, com destaque para a famosa praia de zlatni rat.

    MarciaPublicado em  12:51 pm - maio 25, 2015

    oie

    Desculpe a intromissão, mas tbm vou fazer esse passeio e fiz umas pesquisas. Encontrei o seguinte: tem um passeio que se chama Rib-boats, sai de Split, inclui Hvar, Pkleni, Braço e Zlatni Rat. Sai as 9h do porto de Split de lancha, com 4 pessoas, dura o dia todo, e custa 680 Kunas por pessoa. Tem outro que sai de Hvar, pela Atlas Hvar, que se chama Bol Tour Rat Zlatni, sai 10h do cais de Hvar, 1:50h de barco a vela, com no mínimo 25 pessoas, vai até as 18:30h e custa 280 Kunas por pessoa com almoço. Ou você pode ir por conta, saindo de Split pegando um ferry até Supetar, que custa 33 Kunas o trecho confortável, 1h de viagem. lá você pega um ônibus pra Bol que custa 50 Kunas ida e volta, e caminha 2 Km pela orla, ou pega um táxi. Tem tbm como ir da cidade velha de Hvar, se tiver hospedado lá, tem barco pra Böl, não pesquisei direito, mas vi que tem. Fica mais barato que o passeio.

    Espero ter ajudado, eu optei por ir a partir de Split de ferry, achei a melhor opção.

      Do Rio pro MundoPublicado em  2:52 pm - maio 25, 2015

      Olá Marcia, obrigado pela contribuição.

      Esse tour desde Split, em minha opinião, vale apenas para quem não for ficar hospedado em Hvar e tiver que ver tudo com rapidez. Essa opção desde Split de ferry me parece um pouco cansativa e dificultosa. Principalmente com malas e bagagens. Não acho a melhor também. A opção com veleiro eh interessante mas perde-se muito tempo com a navegação. Ou seja, é uma questão de gosto. De catamarã ou ferry da Jadrolinija, a opção mais rápida para brac/bol a partir da ilha de hvar eh pelo vilarejo de Jelsa, que fica bem no nordeste da ilha. O inconveniente eh que, ao menos até o ano passado, havia apenas um catamarã diário partindo próximo as 6 hs da manhã. Ressalte-se que há ainda um outro inconveniente pois Jelsa fica longe de Hvar Town ou mesmo Stari Grad, onde as pessoas costumam ficar hospedadas. De Hvar Town cerca de 50 min de carro. Assim, acredito que, para quem ficará hospedado em Hvar, a melhor opção de longe é contratar um tour de dia inteiro para brac/bol desde hvar town. Assim, pode curtir o dia com calma e sem pressa desfrutando de uma das praias mais bonitas e concorridas da Croácia.

        MarciaPublicado em  3:38 pm - maio 25, 2015

        Oi Felipe

        Obrigada pelas informações. Mas vc sabe qual o custo de dia inteiro por Braço/Bol? Porque o que eu quero não é um passeio por várias praias que inclui a Rat Zlatni, quero um tour só por ela mesmo. Acha que seria isso? 280 Kunas. Pensei em ir por Split, porque estaria hospedada lá, e não estaria com malas, assim poderia ir cedo e voltar na hora que eu quiser, pra aproveitar mais. Mas se realmente compensar mais, mudo minha hospedagem pra Hvar, porque irei pra lá no dia seguinte do passeio de Brac/Bol.

          Do Rio pro MundoPublicado em  4:49 pm - maio 25, 2015

          Oi Márcia,

          Bem, o tour de dia inteiro por brac/bol de lancha deve sair na faixa de umas 600/650 kunas por cabeça. Nesse tour, o foco é mesmo a praia de Zlatni Rat. Em relação ao tour que vc. havia programado originalmente , creio que se vc. não levar malas nesse tour desde Split então fica muito mais confortável e tranquilo. Porém, se vc vai a Hvar já no dia seguinte, mesmo assim acho que valeria a pena fazer o tour desde hvar, pois o tour de Split tem alguns desvios de tempo pelas ilhas pakleni que, embora bonitas, não se comparam com a jóia de Zlatni Rat. Assim, dedique um dia a mais lá ou então aproveite seu dia em Split para conhecer Trogir.

          Um abraço.

          MárciaPublicado em  6:03 pm - maio 25, 2015

          Então. Programei o seguinte:

          Antes estarei em Zagreb, lagos, Zadar e Skradin
          Dia 1 em Split: Trogir de manha. Split a tarde
          Dia 2 em Split: ir pra Brac/Bol praia de Zlatni Rat
          Dia 3 ir pra Hvar e passear por Hvar Town
          Dia 4 em Hvar passeio das cavernas e ilhas
          No dia seguinte sigo novamente pra Split pra seguir pra Bósnia, consegui incluir no roteiro, por dois dias e depois 4 dias em Dubrovinik.

          Minha dúvida em relação a Bol é: se eu for para Hvar e fazer o passeio de lá, vou eu e meu marido, o mais barato é ir de veleiro ou lancha? Nesse caso quanto é o tour só pra Zlatni Rat de dia inteiro? Esse valor que vc falou de 650 e saindo de Split? Pensei em ir de Split porque li em um blog que de lá tem mais opções de ferry pra lá com um custo bom, mas por conta própria, sem se prender a passeio.

          Do Rio pro MundoPublicado em  10:35 pm - maio 25, 2015

          Seu roteiro está ótimo. Esse valor que eu falei de 650 kunas é partindo de hvar town. Acho que ir de lancha vale mais pois acaba sobrando mais tempo para curtir a praia de Zlatni Rat. Mas do jeito que vc. programa o seu day tour para zlatni rat partindo de split tb está bom. O problema seria ter que levar mala e bagagem direto. Mas não será o seu caso, pois vcs. voltarão no final do dia.

          Um abraço, Felipe

          MárciaPublicado em  10:40 pm - maio 25, 2015

          Legal

          Fico mais tranquila assim. Valeu mesmo.

ValériaPublicado em  3:43 am - maio 23, 2015

Olá! Estou planejando uma viagem com uma amiga para a Croácia e a partir dos comentários aqui, rascunhei este roteiro. O que vcs acham?
9 Sábado Paris / Zagreb – Zagreb / Lagos Plitvice
30 Domingo Lagos Plitvice

31 Segunda Lagos Plitvice / Zadar
01 Terça Zadar / algo no caminho e Skradin para dormir

02 Quarta Krka e Sibenik / Split
03 Quinta Split /Split
04 Sexta Split / Trogir / Split

05 Sábado Split / Hvar
06 Domingo Hvar
07 Segunda Hvar
08 Terça Hvar

09 Quarta Hvar / Dubrovnik
10 Quinta Dubrovnik
11 Sexta Dubrovnik
12 Sábado Dubrovnik

13 Domingo Dubrovnik / Zagreb
14 Segunda Zagreb
15 Terça Zagreb / Paris

    Do Rio pro MundoPublicado em  12:49 pm - maio 25, 2015

    Olá Valeria.

    Obrigado pela visita. Esse roteiro está perfeito. Não há o que mudar considerando a sua disponibilidade de tempo. Ficou muito bom e parecido com o que eu fiz.

    Um abraço.

      valeriaPublicado em  5:28 pm - maio 25, 2015

      Oi Felipe, obrigada pela resposta.
      Desculpe, enviei duas vezes a mensagem.
      Fiquei mais segura com a sua aprovação!
      Fiquei dividida, querendo ir a Mostar a partir de Dubrovnik. Vc acha uma boa? E levar o carro para Hvar, vale a pena?

      Abraço!

        Do Rio pro MundoPublicado em  10:12 pm - maio 25, 2015

        Oi Valéria,

        acho que levar o carro para Hvar não vale a pena e explico isso detalhadamente no post de Hvar. Acho uma ótima ideia fazer um day tour a partir de dubrovnik. Pode ser para Mostar ou para Montenegro.

        Um abraço, Felipe

ValériaPublicado em  3:49 am - maio 23, 2015

Olá! Parabéns pelo blog. Muito bacana.
Estou planejando uma viagem para a croácia fim de agosto/setembro, e rascunhei este roteiro. O que vcs acham?

29 Sábado Paris / Zagreb – Zagreb / Lagos Plitvice
30 Domingo Lagos Plitvice

31 Segunda Lagos Plitvice / Zadar
01 Terça Zadar / algo no caminho e Skradin para dormir

02 Quarta Krka e Sibenik / Split
03 Quinta Split /Split
04 Sexta Split / Trogir / Split

05 Sábado Split / Hvar
06 Domingo Hvar
07 Segunda Hvar
08 Terça Hvar

09 Quarta Hvar / Dubrovnik
10 Quinta Dubrovnik
11 Sexta Dubrovnik
12 Sábado Dubrovnik

13 Domingo Dubrovnik / Zagreb
14 Segunda Zagreb
15 Terça Zagreb / Paris

MarcioPublicado em  7:11 pm - maio 25, 2015

Boa tarde! Ótimas dicas! Estou indo para a Croácia em Junho e ficarei 11 dias. Tenho uma dúvida sobre a taxa de devolução de veículo alugado. Pretendo alugar um carro em Split e devolver em Dubrovnik. Ficarei 5 dias com o carro. Vocês pagaram taxa extra para devolução do veículo em outro lugar? Qual empresa utilizou?
Vale a pena ficar com carro em Dubrovnik para fazer outros passeios na redondeza, ou é melhor eu ir de Split para Dubrovnik de ônibus e ficar em Dubrovnik sem carro?
Obrigado!

    Do Rio pro MundoPublicado em  10:38 pm - maio 25, 2015

    Olá Márcio,

    Obrigado pela visita e comentários. Sim, existe uma taxa de devolução mínima de cerca de 100 a 150 euros por devolver o veículo em cidades diferentes. Isso é regra na Europa. Aluguei o carro pela car rentals da booking.com. Tem sempre bons preços. Não creio que ficar com o carro em Dubrovnik valha a pena, pois os passeios que mais valem a pena ou vc fará de barco ou então o day tour que vc pode contratar em Dubrovnik mesmo para Montenegro ou Mostar. Eu deixaria o carro em Split e iria de ônibus ou contrataria um transfer de Split para Dubrovnik.

    Um abraço, Felipe.

Maria de FátimaPublicado em  7:25 pm - maio 29, 2015

Eu e meu marido chegaremos em Zagreb 06 de setembro e tenho um vôo em Dubrovnick no dia 14, vou alugar um carro qual o melhor roteiro e o que posso ver de melhor nesse trajeto.
Abs

JulianoPublicado em  1:47 am - jun 1, 2015

Olá Felipe,

Em duas semanas vou para a Croácia e ainda tenho duas dúvidas. Acho que você pode me ajudar com elas, as duas são relacionadas ao carro.
Primeira, vi que você recomendou alugar o carro pelo Rental Cars do Booking. Vi que neste site os menores preços são de duas empresas que não conheço, uma se chama Fleet e a outra Avantcar. O preço destas duas são bem mais baratos que os das empresas que eu conheço e já utilizei como Hertz e Avis. Você alugou em alguma destas? Recomenda?
A segunda é com relação a levar o carro para Hvar, vi que a sua recomendação foi não levar, mas quando fui verificar onde teria que devolver o carro em Split, descobri que teria que ser no aeroporto de Split, que fica longe de onde sai o ferry. Neste caso eu teria que ir até o aeroporto e depois voltar até o local de saída do ferry, o que iria me tomar um bom tempo. Como você fez com o carro em Split? Mesmo perdendo este tempo você acredita que o melhor é mesmo não levar o carro para Hvar?

Obrigado.

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:55 pm - jun 1, 2015

    Prezado Juliano,

    Aluguei pela carrentals da booking e foi essa mesma avantcar que nos forneceu o veículo. Não tivemos qualquer problema. Também devolvemos no aeroporto de Split, que fica bem perto, a 15/20 minutos do centro da cidade de Split e a 3 km de Trogir. Você, em minha opinião, tem 3 boas opções: Rumar para Trogir e visitar essa belíssima cidadezinha indo para Split de táxi ou ônibus no final do dia. Pegar um táxi direto do aeroporto para o centro de Split. Contratar um city tour (trogir e split ou somente Split) e pedir para que te peguem no aeroporto. Penso que qualquer dessas alternativas é melhor do que levar o carro para Hvar.

    Um grande abraço e uma belíssima viagem. Qualquer coisa, mantenha contato.

    Felipe

      MarciaPublicado em  8:11 pm - jun 1, 2015

      Oi Felipe

      O preço é aquele mesmo que a rental car mostra? Ou tem alguma taxa lá. Ouvi tbm que alguns amigos conseguiram isenção do seguro. Porqur o cartão de crédito deles cobre. Sabe de algo? A diferença de preço com a Hartz realmente é muito grande.

        Do Rio pro MundoPublicado em  8:16 pm - jun 1, 2015

        Prezada Marcia,

        Realmente, o preço é mesmo mais barato e já inclui o seguro básico. Lógico que lá na hora eles tentam te empurrar mais alguns seguros adicionais mas basta dizer não.
        Sobre a isenção de seguro com o cartão de crédito não sei nada sobre isso Márcia.

        Um abraço, Felipe

      JulianoPublicado em  9:09 pm - jun 7, 2015

      Obrigado novamente Felipe. Já estou de malas prontas e expectativa alta.

      Aluguei o carro pela Rental Cars e vou deixá-lo em Split.

      Na linha do que a Valeria comentou abaixo, também estava pensando em ir de ferry de Hvar para Dubrovnik e vi que há uma linha que faz este trajeto e leva umas 3 horas, mas fiquei na dúvida depois do seu comentário. Você acha melhor voltar de Hvar para Split e pegar um carro para ir a Dubrovnik?
      Abs

        Do Rio pro MundoPublicado em  8:57 am - jun 18, 2015

        Oi Juliano,

        Na verdade, realmente confesso que achei esse tempo de percurso entre hvar e dubrovnik muito curto. Mas pode ser que seja. Não gostaria de palpitar com segurança pois realmente não conhecia esse serviço.

        De carro ou ônibus entre Split e Dubrovnik é bem tranquilo. E vc ainda pode cogitar em dar uma quebrada pela Bósnia-Herzegovina.

        Um grande abraço meu caro e uma excelente viagem.

valeriaPublicado em  8:31 pm - jun 1, 2015

Oi pessoal. Já fechei meu roteiro e com passagens compradas. 🙂 Otimas dicas.
Queria saber de alguns de vcs, se já ouviram falar de um catamarã de Hvar para Dubrovnik. E ainda, os passeios de barco para as grutas e outras ilhas precisam ser contratados antes, ou com antecedência, ou tem que ser feito no local. Obrigada e abraços

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:12 am - jun 7, 2015

    Olá Valéria, obrigado pela visita.

    Ferry de Hvar para Dubrovnik acho que não fazem. Não compensaria a viagem. Seriam quase 10 horas de trajeto e ainda teriam que parar em korcula e Mljet.

    Os passeios de barco devem ser contratados no momento da chegada até porque eles somente confirmam os passeios com cerca de 48 hs de antecedência devido à análise das condições climáticas e metereológicas.

    Um abraço

Alvaro SantanaPublicado em  1:06 am - jun 3, 2015

Olá Felipe, gostei muito do seu post! Estou pretendendo conhecer alguma coisa na região dos Bálcãs. Pretendo visitar alguns amigos em Munique e participar de uma maratona lá no dia 11 de outubro próximo. Depois terei 15 dias para aproveitar na região. já estive na Eslovênia (Lubijana e Bled) e na Croácia somente conheci Zagreb. Gostaria de conhecer mais alguma coisa da Croácia como Split e Dubrovinik e conhecer a Bósnia, Montenegro e Marcedonia. Como estou indo sozinho, muitas vezes viajo como mochileiro, o que facilita conhecer pessoas. Minha dúvida seria se outubro ainda ė viavel viajar pela região. Agradeço antecipadamente.

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:19 am - jun 7, 2015

    Bom dia Alvaro, obrigado pela visita e elogios.

    Olha, vc vai pegar uma época que já é o iniciozinho após o final da temporada que termina oficialmente em Setembro. Tudo estará mais vazio e os serviços poderão estar fechados em alguns locais, como certos restaurantes e atraçoes, principalmente náuticas. Mas creio que vale muito à pena uma visita, pois ainda não estará fazendo o pior frio. Esteja ciente que nas praias, vc provavelmente pegará um periodo com as águas já bem frias. Mas mesmo assim, o país é lindo e vale a visita em qq época do ano. Não deixe de ir aos lagos plitvice, a zadar, split, trogir e dubrovnik.

    Um abraço.

Maria Cecilia MartinsPublicado em  3:30 am - jun 7, 2015

Ola Felipe, conheci teu blog esta semana e Adorei.
Estamos programando uma viagem de 25 dias para a Eslovenia, Croácia, Montenegro, Bosnia Herzegovina e Servia, percorrendp ilhas e parques recomendados, descendo pelo litoral, subindo e retornando pelo norte da Croácia, voltando por Zagreb. Li vários posts seus, mas gostaria de algumas sugestões quanto a divisão de dias em cada região/cidade, dicas de hotéis e restaurantes. Como VC subiria ? 1o Bosnia e depois Servia ou vice versa ? Contrataria Guia ( Armina ) somente na Bosnia ou mais alguma região ?
Desde já agradeço e aguardo tuas sugestões,
Um abraço Cecilia

    Do Rio pro MundoPublicado em  8:51 am - jun 18, 2015

    Oi Juliano,

    Na verdade, realmente confesso que achei esse tempo de percurso entre hvar e dubrovnik muito curto. Mas pode ser que seja. Não gostaria de palpitar com segurança pois realmente não conhecia esse serviço.

    De carro ou ônibus entre Split e Dubrovnik é bem tranquilo. E vc ainda pode cogitar em dar uma quebrada pela Bósnia-Herzegovina.

    Um grande abraço meu caro e uma excelente viagem.

JulianoPublicado em  9:36 am - jun 18, 2015

Olá Felipe,

Para tentar ajudar na discussão do ferry de Hvar para Dubrovnik vou relatar a minha experiência.
Cheguei ontem a Dubrovnik. Segui suas dicas e não fui com o carro a Hvar. Devolvi em Split e depois aluguei outro na volta. Na minha opinião foi uma boa opção.
E por fim, a viagem a Dubrovnik de carro é sensacional. As paisagens são incriveis durante todo o percurso! Acho que mesmo com o ferry de Hvar a Dubrovnik levando 3 horas vale muito a experiência de vir de carro.

Abraço

Maria Cecilia MartinsPublicado em  5:11 am - jul 5, 2015

Felipe, segue meu roteiro. Aguardo tuas considerações e aceito sugestões de tds

ESLOVENIA, CROACIA, BOSNIA-HEREGOVINA, SERVIA E MONTENEGRO
1º Dia 31 agosto ZAGREB
2º Dia 1 setembro ZAGREB LJUBLJANA (1:45hrs/140kms) sair meio da tarde
3º Dia 2 Setembro LJUBLIANA
4º Dia 3 Setembro LJUBLIANA – LAGO BLED ( 101Kms )
5º Dia 4 Setembro LAGO BLED
6o Dia 5 Setembro LAGO BLED – ROVINJ 270kms/2:30hrs (no caminho conhecer
PREDJNA (p conhecer ( castelo) POSTONJA(caves e skocjan caves) imperdíveis
7º Dia 6 Setembro ROVINJ – LAGOS PLITVICE 240Kms/3hrs (parada em OPATJA e lagos
Em Rovinj fazer um bate/ volta em PULA(36kms)e sair após comer p os Lagos
8º Dia 7 Setembro LAGOS PLITVICE ( Patrimonio Humanidde o Parque tem 3 entradas com
17 lagos e cachoeiras, Caminhe3,5hrs em cada das 2 entradas e aprecie c calma
Não faça excursão(corrido), desfrute.Fique HOTEL JEZERO em frente entrada 2
9º Dia 8 Setembro PLITVICE – ZADAR 118Kms/1:30hrs –SKRADIN ( 6Kms/55“
Em Zadar conhecer cidade antiga, ORGAO DO MAR e o PAINEL LUMINOSO
Em SKRADIN , pernoite, para pegar o barco oficial p ir ao Parque Nat KRKA
10º Dia 9 Setembro – SKADIN – TROGIR 64kms/50“ Peq Ilha entrando na Dalmacia,
Patrimonio da Humanidade Hotel Bellevue
11º Dia 10 Setembro TROGIR – SPLIT 29kms/40` Deixar o carro Definitivamente ¿¿¿¿
12º Dia 11 Setembro SPLIT
13º Dia 12 Setembro SPLIT – HVAR ( Pegar o BARCO para HVAR )
14º Dia 13 Setembro HVAR TOWN- HOTEL VILA NORA (alugar o carro para conhecer praia
Distantes, Fortaleza,etc Restaurantes DALMATINO,PASSAROLA,KONOBA
15º Dia 14 Setembro HVAR TOWN. Conhecer as 3 grutas, as ilhas BRAC/BOL
16º Dia 15 Setembro HVAR TOWN – SPLIT (pegar carro) DUBROVNIK . De Split 230kms/3hrs
17º Dia 16 Setembro DUBROVNIK . Ficar na Old Town,andar,andar.RestauranteDUBRAVKA
Percorrer 2kms da Muralha,etc
18º Dia 17 Setembro DUBROVNIK (Passar o dia em Baía de Kotor, Budha e Montenegro)
19º Dia 18 Setembro DUBROVINIK (2º dia na cidade )
20º Dia 19 Setembro DUBROVNIK – MOSTAR 231kms/3:40hrs
21º Dia 20 Setembro MOSTAR – SARAJEVO 65kms/1:30 Sair mais cedo possível
CONTRATAR GUIA ( saravejofunkytours.com )
22º Dia 21 Setembro SARAJEVO
23º Dia 22 Setembro SARAJEVO – BELGRADO 284kms/4:40hrs
24º Dia 23 Setembro BELGRADO ( blog bemvindoaservia )
25º Dia 24 Setembro Belgrado – OSIJEK – ZAGREB

Obrigada por tudo, abraços
Cecilia

    Do Rio pro MundoPublicado em  6:10 am - jul 5, 2015

    Oi Maria Cecilia.

    O seu roteiro está muito bom, completo e muito bem dividido. Só questiono se vale à pena vc ir à Rovinj na Istria, da maneira como se propõs. Veja: vc quer sair de Bled, visitar Predjama e as cavernas, e chegar em Rovinj. No dia seguinte vc quer visitar Pula, e rumar para os Plitvice ainda passando por Opatija???!!! Tá muito corrida essa parte. Não acho que esteja valendo, sinceramente, essa esticada ate Rovinj. Do jeito q está, vc aparentemente so vai se cansar e perder tempo.
    Eu cortaria esse trecho. Visitaria o castelo e as cavernas com calma e voltaria para pernoite em Ljubljana ou descansaria em Opatija. No dia seguinte, com calma, rume para os lagos e desfrute.

    Acrescento 2 outras observações. A primeira é que não acredito ser viável fazer o passeio das 3 cavernas em Vis e Bisevo e depois ainda pretender visitar Brac/Bol no mesmo dia.
    o segundo é que, em Zadar vc precisará ficar até o anoitecer para ver o painel luminoso. Assim, talvez compense você dormir em Zadar e rumar para skradin e visitar o parque Krka descansada no dia seguinte. Esse passeio do parque vc mata em 3 horas e pode facilmente seguir viagem pra trogir na parte da tarde.

    Bem, essas eram as minhas considerações.

    Um abraço

Maria Cecília MartinsPublicado em  11:19 pm - jul 12, 2015

Felipe, tudo bem ?
Desculpa não ter te respondido antes, uma série de problemas. Muito obrigada pelas informações e por tds as sugestões . Minha pergunta é : vc então acrescentaria mais um dia em Hvar e sendo assim que achas de eu retirar 1 dia de Dubrovnik ? Aguardo tua resposta, muito obrigada
Cecília

    Do Rio pro MundoPublicado em  1:28 pm - jul 13, 2015

    Ola Cecilia. Eu acrescentaria um dia a mais em Hvar para fazer o passeio de zlatni rat brac/bol. Problema é que se você tirar um dia em Dubrovnik, pela sua programação, vai sobrar pouco tempo nela. A menos q vc sacrifique o day tour para Montenegro ou um dia em Belgrado.

milton peroccoPublicado em  6:12 pm - jul 16, 2015

Boa tarde. Pretendo viajar em abril/maio (croácia-bósnia-montenegro-sérvia). Há necessidade de reservas de hotel, principalmente no interior, pois pretendo alugar um carro e não gostaria de ficar engessado ??? É seguro e tranquilo viajar pela Bósnia ?? De Saravejo a Zagreb dá para fazer direto ou é necessário pernoite ??Grato/abs

    Do Rio pro MundoPublicado em  3:32 pm - jul 17, 2015

    Olá Milton. Sim. Embora não seja ainda alta temporada, convém que você faça reservas ao menos com uns 2 meses de antecedência. É bem seguro dirigir na Bósnia. O máximo de transtorno que vc poderá enfrentar será a abordagem de um policial na estrada querendo checar documentação, habilitação e coisa e tal, principalmente se a placa do carro for de outro país. Não aconteceu comigo porque fiz tour privado e guiado na Bósnia. Conheço relatos de alguns brasileiros que enfrentaram essa situação. Mas nada de tão grave assim. De sarajevo a Zagreb leva mais ou menos umas 5 horas de carro sem paradas. Acho que vc pode fazer das duas formas. Se optar por parar considere Karlovac, que pode ter algum interesse. Outra opção é fazer os lagos plitvice no meio das 2 capitais, o que exigiria um pequeno desvio d rota.

    Um abraço.

RODINEI RONFINOPublicado em  9:32 pm - ago 19, 2015

E aí.
Meus queridos conterrâneos.
Uma ajuda:
Vou estar com minha esposa e de carro alugado. Nosso ritmo é de mochileiros.
Pergunto: Neste ritmo e pra quem não tem muito tempo sobrando, gostaria que vocês avaliassem a razoabilidade desta parte do meu roteiro:
DIA 1: Sair cedo de Dubrovnik, passar o dia em Montenegro, pernoitar em Kotor,
DIA 2: Sair cedo de Kotor para Mostar (Bósnia) dando uma paradinha em uma cidade legal ainda em Montenegro que esqueci o nome, passar o resto do dia e pernoitar em Mostar.
DIA 3: Sair cedo de Mostar voltando a Croácia por Drvenik e pegar um ferry dali para Hvar entrando por Scuraj.
Dá pra fazer ?
Posso acrescentar mais uma pergunta ? Eu estou utilizando o site Airbnb para reservar quartos ou aptos de moradores pois achei mais barato do que o booking. Vocês já utilizaram ele ?
Desde já agradeço e parabéns pelo belo material que vocês publicam.

MarioPublicado em  1:53 pm - ago 21, 2015

Bom dia !
Montei o roteiro abaixo e gostaria da sua opinião para saber se está bem montado com relação a paradas e dias em cada lugar. Pretendo ir de Dubronik para Hvar de ferry e de ferry de Hvar para Split, alugando um carro em Split e deixando somente em Zagreg para não pagar a taxa de deixar o carro em outro país. Prentendo fazer a viagem em meados maio 2016 até início de junho. Sabe me dizer se a época é boa ?

Rio – Frankfurt – Dubrovinik
Dubrovinik
Dubrovinik – Hvar
Hvar
Hvar
Hvar – Split
Split
Split
Split – Trogir – Zadar
Zadar – Plitvice Lakes – Opatija
Opatija – Piran
Piran – Triestre
Tristre – Postjona Cave – Castelo Predjama – Ljubjana
Ljubljana
Ljubljana Bled Ljubljana
Ljubljana – Zagreb
Zagreb – Frankfurt – Rio

Mario

    Do Rio pro MundoPublicado em  7:51 pm - ago 25, 2015

    Oi Mário,

    A época é boa mas ainda não é o auge do verão nem do calor. talvez as águas do Adriático estejam um pouco frias ainda mas esta época é uma das melhores pois a temporada está apenas começando e tudo está mais vazio e acessível. Acho que precisa um dia a mais em Dubrovnik. Iria pela via terrestre de Dubrovnik até Split. mais rápido. Pode contratar um transfer privado, ir de ônibus ou alugar um carro apenas 1 dia para isso. Visitaria Split e iria e voltaria para Hvar usando Split como base. tem pouco tempo demais nos lagos Plitvice. aumente ao menos para 1 dia. e depois os lagos, antes de Piran, considere Rovinj, na ístria, que acho bem mais atraente que Opatija. Não iria a Trieste e aproveitaria esse tempo em algum dos lugares que estão faltando tempo (dubrovnik ou Plitvice) mencionados anteriormente. A parte da Eslovênia está boa. Se puder passe ao menos uma tarde em Zagreb para conhecer a cidade que é bem interessante.

    Um abraço., Felipe.

RODINEI RONFINOPublicado em  9:30 pm - ago 26, 2015

FELIPÃO, irmão !
Deixa eu abusar só mais um pouquinho da tua generosidade. O google nos dá uma noção de distância mas vocês têm a prática. Sabemos que pegar Ferry com carro é uma grana. Então, analisando a questão de tempo e sabendo que já estamos de carro alugado, custo-benefício,etc.
Vou sair de MOSTAR e pretendo visitar KÓRKULA, SPLIT e HVAR. (de carro).
OPÇÃO 1 – Entro de Ferry em Kórkula (por Orebic) – Saio pelo mesmo caminho e entro em HVAR de Ferry por Scuraj – e depois pego Ferry de Stari Grad HVAR para SPLIT; ou
OPÇÃO 2: Vou de MOSTAR para SPLIT direto. Largo o carro lá e faço HVAR e KÓRKULA de catamarã.
OBSERVAÇÃO. De Split subo para Trogir, Zadar, etc.
Prefiro priorizar o tempo.
Felipão, desde já brigadão cara !
Bração !

    RODINEI RONFINOPublicado em  1:29 pm - ago 27, 2015

    FELIPE.
    Não precisa nem se dar o trabalho.
    Já fiz as contas. Saindo de Mostar direto para Split e depois circulando por catamarãn, rodo 40% menos de carro, gasto 50% menos Kunas (considerando a gasolina economizada) e usufruindo a mesma quantidade de dias. Só fico duas horas a mais dentro de barcos e tem o custo do estacionamento para o carro em Split 3 dias que não faço idéia.
    Bração
    Rodinei

      Do Rio pro MundoPublicado em  2:20 pm - ago 28, 2015

      Valeu Rodinei. É por aí mesmo.
      Forte abraço e grande viagem pra ti!

        RODINEI RONFINOPublicado em  6:58 pm - ago 28, 2015

        Brother Felipe.
        Tuas informações da Croácia , Mostar e Hallstatt estão sendo muito útil na montagem do meu roteiro. Valeu ! Inclusive pela qualidade do material. Você e Karine foram 10. Só uma coisa: Eu vou dar uma esticada na Eslovênia. Mais precisamente de Liubliana a Bled, Skocjan, Postjona, enfim. Eu li que você decidiu não fazer a Eslovênia. Mas com certeza pesquisou. Tu tens algum blog, site, etc. nos teus rascunhos falando sobre aquela parte para me indicar nesta pesquisa ?
        Mais uma vez bração !
        Rodinei

          Do Rio pro MundoPublicado em  10:18 pm - set 8, 2015

          Cara, que eu lembre assim nao. Mas dá uma olhada no Viaje na Viagem q sempre traz as compilaçoes do material disponivel na blogosfera.
          Um abraçao

      Elsa MarangasPublicado em  1:27 pm - jun 5, 2017

      Oi Rodinei
      Sou portuguesa e vou fazer o seu roteiro na Croácia em Agosto
      Você fez a viagem?
      Como fez para ir para Mostar a partir de Montenegro? e de Mostar para Split? a estrada é demorada?
      Podia dar umas dicas do trajeto?
      Obrigada
      Elsa

bernardo ejzenbergPublicado em  10:11 pm - set 6, 2015

Prezados, grato pelo blog, muito util. Comprei passagem ate veneza ida e volta,chegada em veneza 21 dezembro, partida 1 de janeiro.
A partir das informações do blog montei o roteiro abaixo, que pretendo fazer
de carro- de veneza ate montenegro, ida e volta.
1 dia -21 dezembro chegada veneza 11h . pega carro aeroporto visita veneza 1/2 periodo,dorme veneza
2 dia – 22 dezembro passeia veneza 1/2 dia. apos almoço vai de veneza para eslovenia (lubliana), dorme lubliana
dia 3- 23 de dezembro ve lubliana manha, bled tarde,dorme lubliana
dia 4- 24 de dezembro sai de lubliana para postojna cedo, e segue para zagreb, dorme zagreb
5 dia- 25 dezembro ve zagreb, dorme zagreb;
6 dia- 26 de dezembro vai cedo de zagreb para split, no trajeto ve plitvik, dorme split
7 dia-27 dezembro vai de split para medjugore e mostar, vista geral e segue para dubrovnik, dorme dubrovnik;
8 dia 28 dezembro ve dubrovnik, dorme dubrovnik;
9 dia 29 de dezembro vai de dubrovnik para montenegro -kotor e budha, retornando a dubrovnik, dorme dubrovnik;
10 dia 30 de dezembro volta de dubrovnik para zadar, passando e parando em split, trogir, e sibenik,dorme zadar
11 dia 31 de dezembro visita zadar e segue para veneza,penso que por trieste , dorme veneza
12 dia 1de janeiro volta ao brasil.

A- Qual o risco de nevar e nao poder se deslocar de carro ?
B- Tirei HVAR pela epoca do ano, é isso ?
C- Tenho entrada e saida pela Eslovenia, serao dois selos ou um só ? Eles sao validos por x dias ou por um periodo de de 10 dias ?
D- Sugestoes sao benvindas, grato desde já,
Bernardo

    Do Rio pro MundoPublicado em  10:22 pm - set 8, 2015

    Boa tarde Bernardo. Acho considerável o risco de nevar. Mas para inviabilizar o carro teria q ser muita neve, o que acho pouco provavel.
    Hvar nessa epoca realmente seria quase inutil. Acho pouco tempo nos lagos plitvice mas como a chance de vc encontrar as aguas congeladas eh real, acho q para este cenário (q deve ser belo tb) metade de um dia será suficiente.
    Na eslovenia acho q 1 ticket de 10 dias eh suficiente.
    Um abraço!

ValeriaPublicado em  8:15 pm - set 9, 2015

Oi pessoal, estou em Dubrovnik e montei meu roteiro a partir das dicas aqui do pessoal e foi show. Queria deixar uma dica para quem pretende ir rapido de Havar para Dubrovnik. A kapetan luka, http://www.krilo.hr faz Hvar/Dubrovnik direto com fast catamarã. Sai as 9 de Hvar e chega as 12:00 em Dubrovnik. Economiza um bom tempo! Mas não dá para levar o carro, é apenas para pessoas! Abração para todo mundo. A Croacia é linda!!!!

    Do Rio pro MundoPublicado em  9:28 pm - set 9, 2015

    Muito Bacana Valéria!

    Obrigado pela excelente dica sobre a ligaçao de barco rápida e direta entre Hvar e Dubrovnik. Muito bom mesmo pois realmente economiza um tempão de viagem. Valeu!

    Grande abraço.

bernardo ejzenbergPublicado em  2:05 pm - out 25, 2015

Por gentileza,
V. tem noticia da condição de andar de carro pela eslovenia, croacia, bosnia e montenegro com a passagem dos imigrantes por estes países ? Pretendo viajar agora no final de dezembro.
grato
Bernardo Ejzenberg

    Do Rio pro MundoPublicado em  2:22 pm - out 26, 2015

    Olá Bernardo. Infelizmente não posso te ajudar com essa sua dúvida, pois não faço ideia realmente como está a situaçao por lá. Dá um google com esse tema e acho q vc acaba descobrindo algo.
    Um abraço.

Regina Aparecida da Silva MeregePublicado em  11:16 pm - jun 6, 2016

Por gentileza, eú e meu marido pretendemos ir para Eslovênia, Croácia, Bósnia e Montenegro, e pretendemos pegar carro em Viena na Áustria, mas as locadoras que consultei não dão permissão para entrar nesses países, por favor,vc conhece locadoras que trabalham com esses países. …..está difícil locar o carro…obrigada Regina

    Do Rio pro MundoPublicado em  6:17 pm - jun 13, 2016

    Olá Regina, é difícil mesmo essa situação. Poucas locadoras aceitam esse tipo de locação. Talvez a melhor opção seja vc. pegar um trem de viena para zagreb ou ljubliana e aí alugar um carro em uma dessas capitais e rodar pelos 3 países e entregar o carro no mesmo local ou ao menos no mesmo país em que retirou. Tente a car rental da booking.com. Fiz por essa e tem as melhores tarifas.

    Um abraço e boa sorte

Valnice SalignacPublicado em  3:44 am - jan 23, 2017

Olá! Em 2016 fui para a Croácia, a partir de Trieste, na Itália, chegando até Dubrovnick. Esse ano, quero ir de Dubrovnik até a Grécia, via terrestre, passando por Macedônia e Albânia. Tem alguma indicação de como fazer esse roteiro e quais os principais lugares para conhecer ?!?!

FelipePublicado em  10:54 am - mar 27, 2017

Bom dia Felipe,
Parabéns pelo Blog, está ajudando muito!
Partirei de Roma dia 5/7 rumo à Croácia, onde ficarei até o dia 11/7 e partirei para Praga.
Como não é muito tempo, queria umas dicas do que priorizar.
Pelo que li no post e comentários, pensei em distribuir os dias por Dubrovinik e Split (talvez incluindo ou substituindo esse último por Hvar) e gostaria da sua opinião. Ficaria assim:
5/7 a 8/7 – dubrovinik
8/7 a 11/7 – Split ou Hvar (qual vc recomenda)?
Para fazer o trajeto Dubrovinik-Split é carro/ônibus e Dunrovinik-Hvar é ferry as melhores opções, correto?
Finalmente, para ir à Praga em 11/7 qual das 3 cidades é a melhor de se partir?
Obrigado!

    Do Rio pro MundoPublicado em  11:10 pm - abr 11, 2017

    Eu faria 3 dias em dubrovnik, 1 em split e 2 em hvar. De dubrovnik para split é carro ou ônibus. De split para hvar é ferry da jadrolinja.
    Para praga creio que há voos desde split, dubrovnik e zagreb. Nao sei se diretos, mas com conexoes certamente.

    Um abraço

manuelaPublicado em  9:26 pm - abr 11, 2017

Boa Noite,
Antes demais parabéns pelo blogue.
Estou a planear uma viagem para Agosto.
A ideia é ir do Porto para Milão ( avião) e daí seguir viagem para Veneza, Liubliana, Zagreb, Budapeste, Belgrado,Sarajevo, Dubrovnik, Budva e Split.
Estamos com um grande problema, fizemos a reserva do aluguer da carrinha e agora a empresa europcar informou-nos que a viatura não é permitida entrar na Servia, Bosnia e Montenegro nem é permitida a passagem para a Croácia por fazer fronteira. Sabe como contornar esta situação se existe alguma empresa que permita a livre circulação em toda a europa.

    Do Rio pro MundoPublicado em  11:03 pm - abr 11, 2017

    Olá manuela,

    Infelizmente não sei como te ajudar a contornar esse problema. Por já saber dessas dificuldades, somente aluguei o carro na Croacia. Para Bosnia e Montenegro fui de excursões guiadas privadas.

    Um abraço

Filipe GranadaPublicado em  4:01 am - maio 16, 2017

Olá, tudo bem?

Seu blog está me ajudando bastante em relação a Croácia, está sendo o mais completo e que mais está me ajudando, com base no que li montei o seguinte roteiro, chego em Dubrovnik dia 19/06 e tenho um voo de volta em Zagreb as 14h dia 27/06, com base nisso, montei o seguinte roteiro. Por favor me dê a sua opinião, e principalmente o que fazer durante o dia, quais pontos visitar, etc…

19 – Chega em Dubrovnik as 14h
20 – Dubrovnik o dia todo
21 – Dubrovnik o dia todo
22 – Parte de Dubrovnik as 7:15 da manhã via Ferry pra Hvar
23 – Hvar o dia todo
24 – Hvar o dia todo
25 – Hvar sai as 13h em direção a Split e vai pro Parque
26 – Parque Plivtze durante o dia a noite Zagreb
27 – Zagreb

Elsa MarangasPublicado em  1:00 pm - jun 5, 2017

Olá Felipe Parabéns pelo Blog e pela sua disponibilidade em ajudar.
Sou portuguesa e vou com o meu namorado fazer um roteiro na Croácia em agosto, passando por Montenegro e Mostar.
São apenas 9 noites, o que é pouco tempo e obriga a fazer um roteiro muito corrido (como dizem no Brasil. Ah,ah) mas é o possível.
Vamos num voo para Dubrovnik e regressamos por Zagreb
Alugamos carro por duas vezes por ser mais fácil chegar às ilhas sem carro

O meu roteiro está feito assim
18/8 – Lisboa – Dubrovnik. Chegamos às 18h
19/8 – Dubrovnik
20/8 – Pegar o carro e seguir para Kotor – Budva – Sveti Sefan
21/8 – Seguir para Perast – Mostar
22/8 – Mostar – Medjugorj – Kravica waterfalls – Brela – Split (entregar o carro) seguir de catamaran para Brac (Bol)
23/8 – Seguir de catamaran ao fim da tarde para Hvar e ver a cidade de Hvar no resto do dia
24/8 – Passeio de barco de manhã ao arquipélago Pakleni. Alugar carro e ver algumas praias da ilha de tarde
25/8 – Catamaran para Split de manhã. Visitar Split – Pegar carro e seguir visitando – Trogir – Sibenik – Zadar
26/8 – Lagos Plitvive – Zagreb
27/8 – Entregar carro – voo para Lisboa

O que tenho mais medo é do tempo que leva a fazer as estradas no Montenegro e na Bósnia, pois ouvi de uma croata que era melhor acrescentar 3 horas ao tempo que aparece no Google Maps. Será??????? Ela vive em Portugal há 10 anos, mas contou que as estradas são estreitas, traço contínuo e sempre repletas de camiões, o que implica andar a 40/50 kms/h

Então as minhas dúvidas são:
1 – Quanto tempo demora a ir de Dubrovnik a Sveti Stefan ( ou Kotor, para ter uma ideia, caso não tenha ido a Sveti Stefan)

2 – Qual o melhor caminho (menos demorado) para ir de Sveti Stefan a Mostar (o Google maps indica 4 horas tanto por
Bileca, como por Treblinj) mas há também a hipótese de regressar a Dubrovnik e seguir por Metkovik. Preciso mesmo de fazer o menos demorado, mesmo que não tenha muita cidade interessante pelo caminho.

3 – O caminho de Mostar para Split também não sei qual o melhor. Pelo Maps parece-me que existe uma nova auto-estrada a começar perto de Kravica Waterfalls, mas nunca indicam o caminho por lá)
Depois de passar por Kravica Waterfalls, gostava de fazer a estrada bem pelo Litoral (Drvenik, Podgora, Porto de Makarska) mas não sei se vale a pena. O google maps nunca manda por lá e temos ainda o carro para devolver em Split e ir para o barco para seguir para Bol. Então pensei fazer o trajeto por Brela até Split.

4 – Caso seja arriscado ir a Mostar (até porque vamos sempre com hotel marcado) substituir essa noite por Split, Brela, Trogir? Qual a sugestão? Eu gostava de ter essa experiência de conhecer uma cidade da Bósnia, mas não podemos arriscar que essa ida lá comprometa o resto do roteiro.

5 – Zlatni Rat vale mesmo a pena, ou é só o postal ilustrado da Croácia que em Agosto nem percebemos como é por estar cheio de gente? Será preferível ficar 3 noites em Hvar não ir a Bol?

Felipe, peço-lhe mesmo que nos ajude a corrigir,alterar ou suprimir o que que que seja. Infelizmente, acrescentar não dá. E ainda fica tanto por ver… mas como eu costumo dizer, com tanto mundo por ver, provavelmente será a nossa única ida à ex Juguslávia.
Obrigada mais uma vez.

Deixe sua mensagem

1 + 16 =